Weverton Rocha, o todo poderoso…

por Jorge Aragão

Weverton Rocha definitivamente é um dos homens mais fortes atualmente dentro do quadro do PDT no Maranhão e isso ninguém mais discute. Nesta segunda-feira (30), no rx Weverton teve confirmado o seu retorno a Câmara Federal e também assumirá a Executiva Municipal do PDT na capital maranhense.

Weverton voltará a Câmara Federal já na quarta-feira (02) no lugar de Edivaldo Holanda Júnior que já tirou licença sem vencimento.

Além disso, shop Weverton Rocha, que comanda o grupo do PDT que defende o posicionamento do partido na Oposição, teve mais uma vitória nesta segunda-feira. Conforme informou o Blog do Gilberto Léda, a Executiva Estadual do PDT comandada por Julião Amin (aliado de Weverton) destitui a Comissão Provisória da Executiva Municipal presidida pelo vereador Ivaldo Rodrigues.

O grupo de Ivaldo Rodrigues defende a aliança com o prefeito João Castelo para a reeleição do tucano, mas agora o comando da Executiva Municipal ficará com o próprio Weverton Rocha, que a pedido de Julião Amin deverá ser o novo presidente.

Com Weverton Rocha presidindo a Executiva Municipal, Julião Amin comandando a Executiva Estadual e Carlos Lupi na Executiva Nacional, João Castelo definitivamente começa a dar adeus ao PDT, que com isso se aproxima a passos largos de uma aliança com o PTC do deputado federal Edivaldo Holanda Júnior.

Com o trunfo de ter o PDT em seu palanque Holanda Júnior em questão de dias deixará de ser pré-candidato e passará a ser candidato e com chances reais de ser o novo prefeito de São Luís.

PDT encaminha decisão do Maranhão ao TSE

por Jorge Aragão

8h – O Blog conseguiu com exclusividade a confirmação que o presidente da Direção Nacional do PDT, stuff o ex-ministro Carlos Lupi, link já definiu os novos comandantes do partido no Maranhão.

Conforme o Blog já antecipava o grupo de Weverton Rocha saiu vitorioso e Lupi definiu que a Comissão Provisória Estadual passará a ser presidida pelo ex-deputado federal, Julião Amin (foto) e caberá ao secretário da SMTT de São Luís, Clodomir Paz, comandar a Comissão Provisória Municipal.

Além de definir os comandantes do partido no Maranhão, Lupi encaminhou a decisão para o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que deverá até a sexta-feira (10), informar a decisão para o Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão.

Com a decisão, a probabilidade maior é que o PDT coligue com o PSDB nas eleições municipais de São Luís. O partido terá inclusive a prerrogativa de indicar o candidato a vice na chapa encabeçada pelo prefeito João Castelo. Nesse caso a disputa parece ser entre dois secretários municipais, Júlio França e Clodomir Paz.

Edivaldo Júnior pode tirar o PDT de Castelo

por Jorge Aragão

A possível candidatura do deputado federal Edivaldo Holanda Júnior (PTC), malady confirmada pelo jornalista Décio Sá, medicine pode ter outros desdobramentos e um deles pode complicar a reeleição do prefeito de São Luís, João Castelo (PSDB).

Com uma administração bastante questionável e com índice de rejeição alto, Castelo aposta principalmente na força do cargo e na aliança com o PDT, seu principal aliado nas eleições de 2012, para lograr êxito nas urnas.

Entretanto, uma possível candidatura do jovem deputado federal que teve uma votação estupenda em São Luís nas últimas eleições municipais e estaduais, pode fazer com que o PDT siga outro caminho.

O PDT, que vai vivendo um momento de instabilidade no Maranhão, tem como um dos homens fortes da legenda o deputado federal Weverton Rocha. Atualmente no mandato, Rocha é suplente e uma possível eleição de Edivaldo Júnior faria com que o pedetista fosse efetivado na condição de deputado federal.

A efetivação de Weverton Rocha agradaria ao presidente da Executiva Nacional do PDT, o ex-ministro Carlos Lupi, espécie de padrinho político de Rocha. Além disso, a nível nacional seria mais fácil justificar para a presidenta Dilma Rousseff um apoio ao PTC partido da base aliada, do que um apoio e um consequente fortalecimento do PSDB em São Luís, principal adversário de Dilma em 2014.

E convenhamos, sem o apoio do PDT a reeleição para Castelo ficaria mais complicada. Mas pelas informações obtidas pelo Blog, a candidatura de Edivaldo Júnior ainda não é favas contadas. Edivaldo seria o preferido do presidente da EMBRATUR, Flávio Dino, que não deverá mesmo ser candidato.

Edivaldo Júnior vai trabalhando calado e pelas beiradas no intuito de viabilizar um consenso entre os partidos que estão na Oposição dos governos municipal e estadual.

E nesse caso é a maior dificuldade que terá Edivaldo Júnior, pois para ele ser consenso, seria necessário que Roberto Rocha (PSB), Eliziane Gama (PPS), Tadeu Palácio (PP) e outros, abdicassem de suas pré-candidaturas e apostassem no candidato do PTC, como deseja Dino.

Após pancadaria, PDT define hoje seu comando no MA

por Jorge Aragão

Definitivamente o clima é de muita tensão no PDT maranhense. A disputa pelos diretórios de São Luís e do Maranhão mais uma vez extrapolou o campo das idéias e terminou em pancadaria.

Depois de uma reunião tumultuada na sede do partido no Maranhão relatada pelo jornalista Gilberto Léda em seu Blog no dia 20 de janeiro, cialis os pedetistas maranhenses resolveram levar o “UFC” do PDT para Brasília nesta semana.

Após a reunião que manteve o ex-ministro Carlos Lupi no comando do Diretório Nacional do PDT, ampoule os pedetistas maranhenses sob o comando de Lupi resolveram discutir a legenda no Maranhão.

Dois grupos brigam pelo comando do partido. De um lado e com o apoio de Lupi, estão entre outros: Weverton Rocha (deputado federal), Júlio França (secretário de Abastecimento, Agricultura e Pesca de São Luís), Clodomir Paz (secretário de Trânsito de São Luís), Jerry Abrantes, Julião Amim e Jean Carlo (vice-prefeito de Imperatriz), do outro lado entre outros estão: Igor Lago, Moacir Feitosa, Chico Leitoa, Édson Vidigal e Deoclides Macedo (prefeito de Porto Franco).

Depois de uma calorosa discussão, novamente o que era para ser um debate no campo das idéias terminou em pancadaria e pelo que revelou uma fonte ao Blog, Igor Lago teria levado a pior no “UFC” do PDT. Segundo o jornalista Décio Sá, Jerry Abrantes teria atingido com um soco o médico Igor Lago.

Definição – A expectativa é que o martelo seja batido no fim da tarde desta quarta-feira (1º) pelo presidente Carlos Lupi. A tendência é que o grupo de Weverton Rocha saia vitorioso e a Comissão Provisória Estadual passará a ser presidida pelo ex-deputado federal, Julião Amim e caberá ao secretário da SMTT de São Luís, Clodomir Paz, comandar a Comissão Provisória Municipal.

A situação é tão delicada que Carlos Lupi deve conversar com Clay Lago, viúva do ex-governador Jackson Lago e mãe de Igor Lago, para pedir a sua interferência junto a Igor Lago e explicar a decisão que será tomada nesta quarta-feira.

Um novo indício da vitória do grupo de Weverton Rocha foi a reunião que aconteceu na manhã de terça-feira (31), onde parlamentares e membros da Executiva Nacional do PDT elegeram o deputado André Figueiredo como líder da bancada na Câmara Federal. Essa é a primeira vez que um cearense ocupa a posição de destaque dentro do PDT.