Pedro Lucas tinha razão

por Jorge Aragão

pedrolucasfevNo mês passado o Blog fez a seguinte postagem: “A preocupação pertinente de Pedro Lucas sobre a Lei do Farol”, hospital onde na oportunidade o vereador de São Luís demonstrava a sua inquietação com a dúvida que perneava na cabeça da maioria dos ludovicenses sobre a Lei do Farol.

Pedro Lucas solicitava que o Governo Flávio Dino deixasse claro aos motoristas de São Luís onde essa legislação tivesse validade. O vereador já tinha alertado para as incoerências da Lei 13.290/16, buy que obriga o uso do farol aceso durante o dia nas estradas.

“Essa chega a ser uma obrigatoriedade sem qualquer fundamento ou lógica, pills visto que temos MA’s que interligam avenidas e não São Luís a outra cidade. Imagine sair da Avenida Carlos Cunha, entrar na Via Expressa e se não estiver de farol aceso, o cidadão ser multado? Temos que ser práticos. A Via Expressa integra o percurso de milhares de pessoas que por ali passam todos os dias e, portanto, compõe a malha viária de dentro de São Luís. E é por esse motivo que assim que retornar do nosso recesso, na indicação que farei ao governador, pedirei a redefinição das MA’s que cortam a cidade para que ninguém seja punido desnecessariamente”, afirmou Pedro Lucas.

Na quinta-feira (11), viralizou nas redes sociais uma matéria da TV Mirante, feita pelo jornalista Alex Barbosa, onde até mesmo agentes da SMTT (Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte) desconheciam que na Avenida Jerônimo de Albuquerque, MA-257, seria “obrigado” a utilização de andar com os veículos com os faróis acesos. Veja abaixo.

Agora, se os agentes da SMTT ainda possuem dúvidas, imagina os demais motoristas de São Luís. Cabe ao Governo Flávio Dino a reavaliação das estradas que passam por dentro da cidade e, assim, corrigir uma incoerência jurídica.

Mas bem que o vereador Pedro Lucas alertou…

Trânsito – Para piorar ainda mais a situação, as avenidas Jerônimo de Albuquerque, Guajajaras e Holandeses, três das mais movimentadas vias de São Luís, estão sem fiscalização de trânsito, desde a última segunda-feira (08).

Por conta da informação que essas avenidas são estaduais, os agentes de trânsito da Prefeitura deixaram de atuar nessas vias, cabendo sua fiscalização ao Governo Flávio Dino, que por sua vez segue omisso.

E a CAEMA segue aprontando em São Luís…

por Jorge Aragão

caema

É impressionante como a CAEMA, shop na gestão David Telles, purchase tem se tornado um órgão que vai representando o sinônimo de incompetência no Governo Flávio Dino.

O Blog nem vai abordar a problemática da falta d’água, order problema que de fato a atual gestão já encontrou, afinal o problema é histórico e segue sem solução.

Entretanto, o que tem chamado a atenção é a incompetência para a realização das obras na capital maranhense. O Blog mesmo, em outras oportunidades, já demonstrou a irresponsabilidade da atual gestão da CAEMA (reveja aqui e aqui). As obras de péssima qualidade, seguem na contramão da parceria feita entre o Governo do Maranhão e a Prefeitura de São Luís.

A mais nova reclamação da população de São Luís é mais um serviço mal feito da CAEMA na Avenida Daniel de La Touche, desta vez em frente à entrada do bairro COHAMA. A obra que deu um nó no trânsito da capital, pelo horário que foi feito, não tem uma semana e o asfalto além de já está esfarelando e percebido as inúmeras ondulações que ficaram na via.

O Bom Dia Mirante, através do repórter Douglas Pinto, mostrou ao vivo nesta terça-feira (10) a precariedade da obra. Clique aqui e veja o vídeo exibido na TV Mirante. A péssima obra da CAEMA começa a aparecer a partir de 2 minutos e 30 segundos.

Definitivamente a gestão incompetente de David Telles na CAEMA vai prejudicando não apenas a gestão Edivaldo Júnior na Prefeitura de São Luís, mas principalmente o próprio Governo Flávio Dino.

A triste realidade da Saúde em Vitorino Freire

por Jorge Aragão

STENIOEm pronunciamento feito na sessão desta terça-feira (10), try o deputado Stênio Rezende (DEM) lamentou o caos que se instalou na saúde do município de Vitorino Freire. “A população está abandonada, medical sem assistência médica. É preciso que nós tomemos medidas urgentes que possam efetivamente dar à nossa população um atendimento de qualidade”, afirmou Stênio Resende.

Segundo o deputado, a cidade conta apenas com uma unidade de saúde que, apesar de ter uma estrutura física adequada e um corpo profissional de qualidade -, falta ambulância e medicamentos para atender a população. Stênio informou ainda que os pacientes procuram atendimento nas cidades de Alto Alegre do Maranhão, Peritoró, Coroatá e em São Luís.

“Eu gostaria de estar aqui elogiando a administração da minha cidade, mas, infelizmente, tem à frente da prefeitura um gestor incompetente e que não tem nenhum compromisso com a saúde pública de Vitorino Freire. É um prefeito irresponsável que não paga os fornecedores e que não compra os remédios. No hospital falta tudo. É um descaso com a saúde pública”, afirmou o deputado.

Ainda segundo Stênio Rezende, na então gestão do prefeito Juscelino Resende – há pouco mais de 10 anos – Vitorino Freire tinha dois hospitais funcionando: o Hospital Nossa Senhora e o Ruy Bandeira. Também existia um centro de saúde e mais de 25 postos de saúde, na sede do município e no interior.

Clique aqui e veja a reportagem feita pela TV Mirante e que confirmou a triste realidade vivida pelo município de Vitorino Freire na gestão desastrosa do prefeito Zé Leandro.

A TV Mirante de hoje, é a mesma de ontem

por Jorge Aragão

mirante.jpegÉ impressionante como a cada dia a coerência é algo que fica mais difícil de ser encontrado na política, here principalmente dentro do Governo Flávio Dino e seus asseclas.

Depois de mais uma repercussão nacional negativa do Governo Flávio Dino, case na quinta-feira (19), buy no caso da expulsão das famílias do Coroadinho (reveja), alguns asseclas do governador voltaram sua ira para a TV Mirante.

Nos chiliques, os asseclas voltaram a agredir, desnecessariamente, a TV Mirante, afirmando que seria a TV Mentira de Comunicação.

Os tolos agressores querem culpar a TV Mirante pelas matérias que estão sendo divulgadas na TV Globo e acusam a emissora maranhense de fazer política partidária com tais reportagens. No entanto, esquecem dois detalhes extremamente importantes.

Inicialmente esquecem que nada foi criado ou inventado, não existe nenhum factoide, apenas a realidade dos fatos retratados, pois contra imagens não existem argumentos.

Os mesmos agressores de hoje, esquecem que é a TV Mirante é a mesma que por diversas vezes também conseguiu repercutir nacionalmente episódios negativos no Governo Roseana, como a morte da criança Ana Clara e a derrubada do muro de Pedrinhas por um caminhão, apenas para citar dois exemplos.

Inclusive dentro do grupo político da ex-governadora, por conta de tais matérias, haviam cobranças tolas e descabidas, alguns não aceitavam a postura correta adotada pela TV Mirante. Como se isso dependesse da vontade de Roseana Sarney.

Sendo assim, os tolos agressores de hoje, que são os mesmos que comemoravam matérias semelhantes ontem, precisam se decidir, se tudo que a TV Mirante sempre passou é mentira ou verdade.

O que não pode é a total ausência de coerência, pois antes quando era de interesse dos asseclas de Dino, a televisão era TV Verdade, agora porque é explicitado que não houve a tal propagada mudança, a televisão passou a ser TV Mentira.

Pelo respeito a todos os profissionais e a postura adotada ontem, hoje e fatalmente amanhã, é que para esse Blog e para a maioria da população, que assegura, de maneira disparada, a emissora ser a de maior audiência do Maranhão, é que sempre será a TV Mirante de todos os maranhenses.

Nada de torcidas…

por Jorge Aragão

Na noite desta sexta-feira (26), prostate a TV Mirante realizará o último debate entre os dois candidatos que estão na disputa pela prefeitura de São Luís. O “duelo” entre Edivaldo Júnior (PTC) e João Castelo (PSDB) deverá ser o último grande evento das eleições antes do domingo (28), stuff data da votação.

No entanto, ao contrário do que aconteceu no debate do primeiro turno, o debate não contará com a presença das torcidas do “36” e do “45” na frente do Sistema Mirante de Comunicação. A decisão foi tomada após reunião entre os representantes dos candidatos e o diretor de jornalismo da TV Mirante, Roberto Prado, que destacou a importância da decisão das duas coligações.

“Eu acho uma decisão louvável das duas coligações e nós vamos fazer a ampla divulgação disso, que será fundamental para manter a ordem”, afirmou Prado.

O debate na TV Mirante está confirmado para às 23h, logo após a novela Gabriela e também terá transmissão do G1 Maranhão e da Rádio Mirante AM.

Vídeo – Nesta sexta-feira, o juiz eleitoral José Carlos Sousa Silva derrubou a liminar da juíza Luzia Nepomuceno que proibia a exibição do vídeo polêmico envolvendo militares do Maranhão declarando apoio ao candidato Edivaldo Júnior.

No entanto, a decisão pode não surtir nenhum efeito prático, pois na noite desta sexta-feira será encerrado o horário eleitoral e a coligação não decidiu se coloca o vídeo ou faz um programa diferente na despida. Além disso, a coligação de Edivaldo Júnior, através dos seus advogados, já confirmou que irá tentar derrubar a decisão do juiz José Carlos Sousa e Silva.

Um debate fraco marcado por erros e nervosismo

por Jorge Aragão

O debate foi iniciado com praticamente todos os participantes nervosos, search inclusive o apresentador Tonico Ferreira. O primeiro bloco foi marcado pelos erros, sovaldi sale como por exemplo, remedy Haroldo Saboia (PSOL) que iniciou sua participação dando boa tarde em plena 23h30. Já Edivaldo Holanda Junior (PTC) errou o tema na hora da pergunta, pois o tema sorteado foi iluminação pública e ele perguntou sobre segurança pública. Até o experiente jornalista Tonico Ferreira errou e esqueceu de permitir que Haroldo Saboia perguntasse a Eliziane Gama, o que só aconteceu no segundo bloco.

Ainda no primeiro bloco Eliziane Gama errou na estratégia, pois foi a primeira a perguntar e o tema sorteado foi educação. Eliziane foi uma das mais críticas a situação da educação pública municipal que passou um semestre sem aula, mas ao invés de questionar isso para o prefeito e candidato João Castelo, optou por fazer uma pergunta água com açúcar para Tadeu Palácio.

O segundo bloco, mesmo com tema livre seguiu no mesmo ritmo, inclusive com o mediador Tonico Ferreira errando novamente e permitindo que Edivaldo Holanda Junior fizesse duas perguntas e que Washington Oliveira não fosse perguntado.

O terceiro, quarto e quinto bloco seguiram no mesmo ritmo. Apesar de ter sido um dos piores debates já realizados em São Luís, mais uma vez, assim como foi no horário eleitoral, foi a candidata Eliziane Gama que conseguiu mostrar mais sinceridade e se destacar dos demais. Depois de Eliziane, o destaque ficou com João Castelo que “solto” demonstrou sua experiência em debates e para quem imaginava que fosse “massacrado”, saiu-se bem.

Resumindo para quem dormiu tarde aguardando o debate, simplesmente perdeu sono e ficou decepcionado, pois o debate não acrescentou em absolutamente nada e com certeza não fez nenhum indeciso se decidir e nem ninguém mudar o voto.

Definitivamente foi um debate fraco marcado por erros e nervosismo de todos os lados.

TV Mirante confirma debate em São Luís

por Jorge Aragão

Depois de muita polêmica e discussão, buy a TV Mirante confirmou nesta terça-feira (18) a realização do debate com os candidatos que irão disputar a prefeitura municipal de São Luís.

A data do debate será 4 de outubro e contará com os seis candidatos mais bem colocados na última pesquisa IBOPE, site a ser divulgada já na próxima quinta-feira (20), pela TV Mirante. O mediador do debate será o jornalista da TV Globo, Tonico Ferreira.

Uma reunião nesta terça-feira com os representantes dos candidatos definiram os detalhes para a realização do debate. Caberá aos dois últimos colocados, como compensação, uma entrevista de oito minutos no JMTV 1ª edição, no dia 5 de outubro.

A expectativa é para saber quem será o sexto candidato a participar do debate, pois pelas últimas pesquisas, já estariam confirmados: João Castelo (PSDB), Edivaldo Holanda Junior (PTC), Washington Oliveira (PT), Tadeu Palácio (PP) e Eliziane Gama (PPS). A última vaga seria disputada entre Marcos Silva (PSTU) e Haroldo Saboia (PSOL), já que em boa parte das pesquisas o candidato Edinaldo Neves (PRTB) não conseguiu atingir 1%.

Clique aqui e saiba mais detalhes do debate

TV Mirante começa nova rodada de entrevistas

por Jorge Aragão

Do G1 Maranhão

A TV Mirante inicia, sales nesta segunda-feira (17), site no JMTV 1ª Edição, unhealthy a nova série de entrevistas com os candidatos à prefeitura de São Luís. Todos terão terão 10 minutos para cada participação.

A nova série será aberta, hoje, pelo candidato Ednaldo Neves (PRTB). Esta será a quarta vez que os candidatos participarão de uma série de entrevistas promovidas pelo Sistema Mirante de Comunicação. Mediante sorteio, a ordem de entrevistados ficou estabelecida da seguinte forma:

 
18/09 – Tadeu Palácio (PP)
19/09 – Edivaldo Holanda Júnior (PTC)
20/09 – João Castelo (PSDB)
21/09 – Eliziane Gama (PPS)
22/09 – Washington Luiz (PT)
24/09 – Marcos Silva (PSTU)
25/09 – Haroldo Saboia (PSOL)

A série de entrevistas terá aparticipação do jornalista Sidney Pereira. O JMTV 1ª Edição é exibido diariamente a partir das 12h. Para ler mais notícias do G1 Maranhão, clique em g1.globo.com/ma. Siga também o G1 Maranhão no Twitter e por RSS.

IBOPE também confirma liderança de Castelo

por Jorge Aragão

12h32 – A TV Mirante acaba de divulgar os números da primeira pesquisa IBOPE nas eleições no Maranhão. Contratado pela TV Mirante, shop o IBOPE realizará três pesquisas em São Luís e outras três em Imperatriz, buy os dois maiores colégios eleitorais do Estado.

Os números do IBOPE não são diferentes das demais pesquisas já realizadas. A pesquisa confirma a liderança “tranquila” do prefeito e candidato a reeleição João Castelo (PSDB) com 33%. O deputado federal Edivaldo Holanda Junior (PTC) consolidou mesmo a segunda colocação e parece que vai polarizar a disputa com o tucano. Edivaldo Junior aparece com 18%.

O ex-prefeito Tadeu Palácio (PP) aparece em terceiro com 15%, purchase seguido pelo vice-governador do Maranhão, Washington Oliveira (PT) e pela deputada estadual Eliziane Gama (PPS), ambos com 5%. Na sequencia aparecem Haroldo Saboia (PSOL) e Marcos Silva (PSTU) empatados com 1%, já o candidato de Edinaldo Neves (PRTB) não pontuou.

No quesito rejeição, João Castelo continua na liderança com 33%, na segunda colocação aparece Tadeu Palácio com 24%. Nesse aspecto, entre os cotados a vencer a eleição para a prefeitura municipal, quem teve o melhor rendimento foi Edivaldo Holanda Junior com apenas 9% de rejeição.

O IBOPE ouviu 805 eleitores, entre os dias 20 e 22 de agosto. A primeira pesquisa IBOPE foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral sob o número 00108/2012

É provável que a pesquisa IBOPE seja divulgada nesta sexta-feira (24) no Jornal Nacional da TV Globo.