Manuela D’Ávila: complicando a aliança PT/PCdoB no Maranhão

por Jorge Aragão

O PCdoB realizou neste fim de semana o seu 14º Congresso Nacional e oficializou a pré-candidatura à Presidência da República da comunista Manuela D’Ávila. O encontro inclusive contou com a presença do governador do Maranhão, Flávio Dino.

É tolice não imaginar que essa candidatura não interferirá na sonhada aliança, por Flávio Dino, entre os comunistas e o Partido dos Trabalhadores. Dino quer Lula no seu palanque, afinal deseja tirar proveito do potencial eleitoral do petista, mas pelo visto terá que se contentar mesmo com Manuela D’Ávila.

A pré-candidata do PCdoB deixou claro, no Congresso Nacional, que quer mesmo disputar a Presidência da República e descartou qualquer possibilidade de ser vice de Lula nas eleições do próximo ano.

Ninguém se lança candidato para ser vice. Nós lançamos candidatura para eu ser candidata à Presidência da República. Apesar disso, defendemos a candidatura de Lula em 2018”, afirmou Manuela.

A pré-candidatura do PCdoB, para muitos, é a justificativa que Lula esperava para optar por uma neutralidade no Maranhão. Aliado e grato pelo apoio dado pelo ex-presidente José Sarney quando comandou o Brasil, reconhecimento feito em setembro antes da Caravana do PT visitar São Luís, Lula não deverá subir nem no palanque de Flávio Dino e nem de Roseana Sarney.

Não ter Lula no seu palanque é inegavelmente um fator ruim para a candidatura do comunista e pode piorar se o PT partir para uma candidatura própria ao Governo do Maranhão.

É aguardar e conferir.

IBOPE confirma preferência do eleitor por Lula e Bolsonaro

por Jorge Aragão

Mais um instituto de pesquisa confirma que, neste momento, os nomes dos presidenciáveis Lula e Jair Bolsonaro seguem sendo os preferidos dos eleitores brasileiros para o pleito do ano que vem.

Desta vez foi o IBOPE que confirmou esse atual cenário. O instituto divulgou pesquisa no fim de semana, e de acordo com o levantamento, Lula e Bolsonaro iriam para o segundo turno se as eleições presidenciais fossem hoje. Foi a primeira vez que o IBOPE fez um levantamento para as eleições presidenciais de 2018.

Lula segue liderando com folga, variando entre 35% e 36%, dependendo do cenário apresentado. Já Bolsonaro segue na segunda colocação, variando entre 13% e 15%. Os dois são os únicos que conseguem atingir dois dígitos.

O IBOPE também fez uma simulação de uma pesquisa sem a presença Lula, e incluindo Fernando Haddad, também do PT. Nesse cenário, Bolsonaro e Marina Silva empatariam com 15% e o terceiro colocado seria o apresentador Luciano Huck com 8%.

A pesquisa foi feita entre os dias 18 e 22, com 2.002 pessoas em todos os estados brasileiros, com margem de erro de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

Lula segue liderando e Jair Bolsonaro crescendo

por Jorge Aragão

Nesta terça-feira (19), mais uma pesquisa para a presidência da República foi divulgada, desta vez o instituto CNT/MDA. De acordo com todos levantamentos feitos, inclusive para o Segundo Turno, Lula (PT) aparece liderando.

Além da constatação de que Lula segue imbatível, também é inegável que o deputado federal Jair Bolsonaro, que deve se filiar ao PATRIOTA (antigo PEN), continua crescendo e é o que mais se aproxima do petista.

No cenário espontâneo, onde não é apresentada a lista com os nomes dos pré-candidatos, Lula aparece com 20,2% das intenções de voto. Bolsonaro aparece em segundo lugar com 10,9%, na pesquisa anterior em fevereiro tinha 6,5%. Na sequência foram citados: João Doria (PSDB) com 2,4%, Marina Silva (REDE) com 1,5%, Ciro Gomes (PDT) e Geraldo Alckmin (PSDB) aparecem com 1,2%. Os demais não alcançaram 1%.

No cenário estimulado 1 (Aécio), onde é apresentado ao eleitor os nomes dos pré-candidatos, Lula aparece folgado na liderança com 32,4%. Jair Bolsonaro é o segundo com 19,8%, seguido de Marina Silva 12,1%, Ciro Gomes 5,3% e Aécio Neves (PSDB) com 3,2%.

No cenário estimulado 2 (Alckmin), Lula aparece folgado na liderança com 32%. Jair Bolsonaro é o segundo com 19,4%, seguido de Marina Silva 11,4%, Geraldo Alckmin 8,7% e Ciro Gomes 4,6%.

No cenário estimulado 3 (Doria), Lula aparece folgado na liderança com 32,7%. Jair Bolsonaro é o segundo com 18,4%, seguido de Marina Silva 12%, João Doria 9,4% e Ciro Gomes 5,2%.

Segundo Turno – A pesquisa também fez simulações sobre um eventual Segundo Turno para as eleições de 2018. Lula venceria em todos os cenários, a menor diferença de vantagem foi justamente num confronto contra Jair Bolsonaro.

Se a disputa fosse entre o petista e Bolsonaro, Lula venceria por 40,5% contra 28,5%.

Agora é bem verdade que ainda falta um ano para o pleito eleitoral e muita coisa ainda pode acontecer, tanto na esfera política quanto policial. Sendo assim, é melhor aguardar e conferir.

Andrea Murad vai a PGJ contra evento de Lula no Palácio dos Leões

por Jorge Aragão

A líder da oposição, deputada Andrea Murad (PMDB), protocolou nesta segunda-feira (11) uma representação na Procuradoria Geral de Justiça para que seja apurada denúncia sobre o uso da estrutura do governo no apoio ao evento político partidário promovido pelo PT no último dia 5 de setembro. O evento aconteceu na frente do Palácio dos Leões que, segundo a parlamentar, serviu de “camarim” para lideranças políticas que acompanharam o ex-presidente Lula em ato visando as eleições 2018.

“Nada contra, absolutamente nada contra o ex-presidente Lula, mas me questiono, por que o governador Flávio Dino escolheu aquele local com fundo para o Palácio dos Leões, o Palácio servindo de camarim para o ex-presidente Lula e toda a comitiva. Mais precisamente para o governador Flávio Dino, candidato à reeleição em 2018, fazer ali aquela festa. Um governador que fala tanto das festas do passado e agora produz as festas para os seus aliados políticos. O governador Flávio Dino ofereceu jantar para o ex-presidente Lula e seus aliados, deu toda a estrutura do Palácio dos Leões para aquele evento político, que era para ser promovido pelo PT, mas na verdade foi promovido pelo governo do Maranhão. Tudo bancado pelos maranhenses: jantar, garçom, toda a estrutura do Palácio servindo para aquele evento. Flávio Dino vive falando dos outros, mas ali promoveu uma verdadeira farra”, discursou Andrea.

Andrea Murad também questionou o uso da rádio pública, a Timbira AM, para transmitir ao vivo toda a programação do evento realizado pelo Partido dos Trabalhadores com o suporte do Governo Flávio Dino.

“Flávio Dino acabou de abrir uma brecha, não é? A partir do momento em que ele bota a Rádio Timbira, a rádio do governo para transmitir um evento partidário onde ele lança a candidatura de um Presidente da República e a dele próprio, ele está dando toda a brecha para nós pedirmos o mesmo. Eu quero saber se eu solicitar para o governador Flávio Dino um palanque ali para a minha reeleição, se eu também vou poder utilizar a estrutura do Palácio dos Leões. Eu quero também saber se a Rádio Timbira vai transmitir todo o meu evento. Isso é um verdadeiro absurdo. É vergonhoso! O governador Flávio Dino é um hipócrita, não tem mais moral para absolutamente nada”, disse a parlamentar.

A decisão acertada da Câmara de Vereadores de Santa Rita

por Jorge Aragão

Enquanto algumas câmaras de vereadores do Maranhão estão aprovando título de cidadão para o ex-presidente da República, Luís Inácio Lula da Silva, a Câmara de Santa Rita seguiu no caminho inverso.

O vereador de Santa Rita, Ivo André (PDT), bem que tentou aprovar o título de cidadão para Lula, mas a maioria dos vereadores, de maneira acertada, vetou e reprovou a iniciativa do pedetista.

Entretanto, Lula vai receber títulos de muitas cidades do interior maranhense, mesmo sem jamais ter ido nesses municípios e se duvidar saber ao menos das suas existências. Pior é que para se fazer a homenagem, os vereadores de municípios como Pinheiro, Olinda Nova, que aprovaram o título de cidadão para Lula, terão que se submeter a fazer a entrega na capital maranhense.

Em São Luís, a tola iniciativa segue tramitando. A proposta foi do vereador Cézar Bombeiro (PSD), mas o vereador Marquinhos (DEM) questionou, acertadamente, a legalidade da proposta, uma vez que Lula não tem residência fixa em São Luís e o projeto foi encaminhado para a Comissão de Constituição e Justiça.

O Blog deixa claro que o posicionamento contrário não é pelo fato de ser especificamente o ex-presidente Lula, mas sim por defender que esse tipo de homenagem seja feito efetivamente por quem já fez algo pelo município. Homenagear alguém que jamais foi ao município, talvez nem saiba onde fica e/ou de sua existência, homenagear alguém que não mora no município e fazer isso por questões políticas, é tolice e apenas banaliza futuras e realmente justas homenagens.

A Caravana de Lula, que está de passagem pelo Nordeste, chega nesta segunda-feira (04) à capital maranhense.

CPI do BNDES: Roberto Rocha quer ouvir Lula

por Jorge Aragão

Às vésperas da chegada do ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva ao Maranhão, a Coluna Painel da Folha de São Paulo destaca que o senador maranhense, Roberto Rocha, relator da CPI do BNDES, quer ouvir o petista.

Rocha quer explicações tanto de Lula, quanto do ex-ministro Guido Mantega, sobre os empréstimos feitos pelo BNDES.

É aguardar e conferir.

O reconhecimento de Lula a Sarney

por Jorge Aragão

Para desespero dos comunistas maranhenses, que querem se apoderar da popularidade do ex-presidente Lula, o petista declarou nesta sexta-feira (25) que é grato a Sarney, demonstrando todo o seu reconhecimento ao ex-presidente da República.

A declaração de Lula aconteceu durante entrevista a rádios no interior de Pernambuco. “Sou grato a Sarney. É importante que se diga. Sou grato a Sarney como presidente do Senado”, declarou o petista.

Lula foi mais longe e fez questão de dizer que mesmo pressionado, não rompeu com Sarney. “Teve um tempo que as pessoas queriam que eu rompesse com Sarney. E eu iria ganhar de presente o Marconi Perillo [PSDB] como presidente do Senado. Eu deixaria de ter um tubarãozinho manso para ter um tubarão louco mordendo até o pé”, afirmou o petista ao ser questionado sobre um eventual encontro com Sarney no Maranhão no início de setembro. Lula cumprirá agenda na capital maranhense entre os dias 05 e 06 de setembro.

Fatalmente essa entrevista, que repercutiu nacionalmente (veja aqui) os comunistas maranhenses não curtiram, mas Lula apenas reconheceu quem efetivamente lhe ajudou quando ele foi presidente da República.

Gleisi Hoffmann também desmente suposto apoio a Waldir Maranhão

por Jorge Aragão

Pelo visto a passagem da presidente nacional do PT pelo Maranhão, a senadora Gleisi Hoffmann, foi devastadora para os mentirosos de plantão.

Inicialmente, conforme o Blog já demonstrou, a presidente do PT negou que tenha em algum momento convidado o governador Flávio Dino (PCdoB) para ser candidato a vice na chapa de Lula para as eleições de 2018 (reveja).

A notícia deixou os asseclas do comunista atônitos, pois queriam passar a imagem de que Flávio Dino possui alguma influência no debate da política nacional.

Depois a presidente do PT, através de uma Nota, também negou que tenha declarado apoio à candidatura do deputado federal Waldir Maranhão (PP) ao Senado Federal, conforme alguns blogs ligados ao parlamentar afirmaram.

“Encontrei-me com o deputado Waldir Maranhão para um cumprimento. Em nenhum momento falou-se em candidatura ao Senado nem tão pouco falei, ou reafirmei, apoio do presidente Lula a sua candidatura. Discussões sobre processo eleitoral e apoios às candidaturas locais cabem a direção estadual do PT no Maranhão”, disse Gleisi Hoffmann em Nota.

Na semana passada, os mesmos blogs afirmaram que o próprio Lula teria confirmado apoio a candidatura de Waldir Maranhão ao Senado, mas curiosamente não divulgaram a declaração do ex-presidente confirmando tal apoio.

Naquela oportunidade, o Blog do Jorge Aragão até questionou se a suposta declaração de Lula não seria mais uma traquinagem de Waldir Maranhão (reveja). A resposta parece ter vindo uma semana depois.

Acho que nem Flávio Dino e nem Waldir Maranhão gostaram muito da passagem da presidente do PT pelo Maranhão, afinal a senadora Gleisi Hoffmann mostrou que mentira tem perna curta.

Presidente do PT desmente convite para que Dino seja vice de Lula

por Jorge Aragão

Por essas os asseclas do governador Flávio Dino (PCdoB) não esperavam. Depois de comemorarem um tal convite para que o comunista fosse o candidato a vice na chapa encabeçada por Lula na disputa pela Presidência da República, a suposta autora do convite desmentiu categoricamente a informação neste sábado (22).

De passagem por São Luís, a presidente nacional do PT, a senadora Gleisi Hoffmann, ao ser questionada pelo jornalista Diego Emir, assegurou que jamais tratou desse assunto com Flávio Dino, ou seja, jamais o convidou para ser candidato a vice na chapa de Lula. Veja vídeo abaixo.

A bem da verdade, o jornalista Claudio Humberto, durante esta semana, também já havia desmentindo a informação plantada para passar a impressão que Flávio Dino esteja no debate político do cenário nacional (reveja).

Como já dizia meu avô: mentira tem perna curta.