O questionamento pertinente de Márcio Jardim?

por Jorge Aragão

O governador Flávio Dino, como de costume, “namora” com inúmeros partidos políticos das mais diversas correntes e pensamentos, pois busca uma ampla aliança para a sua reeleição. Entretanto, pelas últimas pesquisas e pela conjuntura atual, não é segredo para ninguém que a prioridade para o “casamento” será o PT do ex-presidente Lula.

Flávio Dino também tem quatro aliados, todos deputados federais – Eliziane Gama (PPS), Weverton Rocha (PDT), Waldir Maranhão (PP) e José Reinaldo (PSB) – pleiteando sair na chapa comunista como candidatos ao Senado Federal.

Somando essas duas situações é bem provável que, apesar de ser o padrinho político de Flávio Dino, o ex-governador José Reinaldo possa ter dado adeus, mais uma vez, a sua candidatura ao Senado, pelo menos ao lado do comunista.

Logo após a votação da Bancada Federal, o secretário de Esporte do Maranhão, o petista Márcio Jardim, fez um questionamento pertinente nas redes sociais.

Ou seja, se Flávio Dino vai realmente querer o PT ao seu lado, os petistas também terão o direito de exigir que na chapa do comunista estejam políticos que apoiem e trabalhem pelo retorno do ex-presidente Lula à Presidência da República, o que convenhamos não foi o caso de José Reinaldo.

Pior é que para manter sua candidatura ao Senado, caso seja “escanteado” pelo seu “afilhado político”, José Reinaldo teria que se aliar ao desafeto Roberto Rocha, ou fazer as pazes com Roseana e brigar por uma vaga na chapa, ou ainda se unir a Maura Jorge.

É aguardar e conferir.

CPI do BNDES: uma preocupação a mais para Flávio Dino

por Jorge Aragão

Pelo visto o governador Flávio Dino terá mais um grande problema para se preocupar. Foi oficialmente instalada no Senado Federal, na quarta-feira (02), a Comissão Parlamentar de Inquérito do BNDES.

A CPI é uma proposição do senador Roberto Rocha, que também será o relator, e foi criada para investigar irregularidades nos empréstimos concedidos pelo BNDES. A comissão foi criada com o apoio de 37 senadores e Rocha foi escolhido de maneira unânime o relator da CPI.

Vale lembrar que no ano passado, tanto deputados estaduais quanto federais do Maranhão, denunciaram irregularidades na execução das obras do Governo Flávio Dino com recursos provenientes do empréstimo contraído junto ao BNDES.

No fim do ano passado alguns parlamentares vieram pessoalmente acompanhar o andamento das obras no Maranhão (reveja). Já em maio deste ano, o deputado federal Hildo Rocha chegou a solicitar uma auditoria no BNDES para apurar a aplicabilidade dos recursos contraídos pelo Governo do Maranhão (reveja).

Agora é aguardar e conferir.

De novo a Heringer Táxi Aéreo, meu caro Flávio Dino?

por Jorge Aragão

Parece definitivamente que o governador do Maranhão, Flávio Dino, está nenhum pouco preocupado com as críticas e/ou as denúncias sobre o contrato de locação de aeronaves celebrado entre o seu governo e a Heringer Táxi Aéreo.

A empresa que desde 2015 presta serviço de locação de aeronaves para o Governo Flávio Dino, venceu licitação e deve assinar novo contrato para seguir na gestão comunista por mais um ano.

A Comissão Permanente de Licitação (CCL) deve anunciar a “vitória” da Heringer Táxi Aéreo nos próximos dias, já que outras empresas que disputavam a licitação tiveram seus recursos julgados improcedentes. O valor do novo contrato é de R$ 7,7 milhões, a serem gastos ao longo de um ano.

Vale lembrar que o contrato celebrado entre a empresa e o Governo Flávio Dino já foi alvo de várias denúncias, pois antes da atual licitação ser concluída o contrato anterior já havia sido aditado três vezes.

No mês passado, o Blog mostrou que a Heringer Táxi Aéreo já abocanhou no Governo Flávio Dino mais de R$ 8 milhões sem qualquer licitação, mesmo os comunistas jurando que é uma gestão que prega transparência e austeridade (reveja).

Também no mês passado, o deputado estadual Edilázio Júnior (PV) denunciou uma outra irregularidade existente no contrato do Governo Flávio Dino e a empresa (reveja).

Somando-se a todas essas denúncias, tem ainda a incoerência latente do próprio governador. Flávio Dino, quando era Oposição, criticava a locação de aeronaves pelo governo anterior com dinheiro público e mesmo quando assumiu o Governo do Maranhão, o comunista ensaiou se deslocar pelo espaço aéreo de avião comercial, mas a “máscara caiu faz tempo”.

Mas apesar de tudo isso, Flávio Dino segue fazendo contrato de locação de aeronaves e coincidentemente sempre com a mesma empresa.

O puxão de orelha de Roberto Rocha em Flávio Dino

por Jorge Aragão

O senador Roberto Rocha tem realizado alguns seminários no sentido de ajudar a despoluir os rios maranhenses, mas nesta sexta-feira (28), Rocha deu “puxão de orelha” no governador Flávio Dino sobre o assunto.

Roberto Rocha flagrou e registrou em fotos a poluição do Rio Balsas que em parte está sendo feita por dejetos de presos da Delegacia de Balsas.

“Quem deveria dar o exemplo na revitalização dos nossos Rios é o primeiro a suja-los. Essas fotos foram tiradas ontem, dia 27/07, no fundo da delegacia de Balsas. Os dejetos de dezenas de presos caem diretamente no Rio Balsas. Um absurdo!!! Vejam na sequência das fotos quem é vítima. Uma criança tomando banho no rio”, afirmou.

Roberto Rocha disse que depois de publicizar o assunto irá aguardar providências do Governo Flávio Dino, caso contrário o trabalho de conscientizar e discutir sobre a importância da despoluição dos rios maranhenses será em vão.

“Vamos aguardar as providências do governador Flávio Dino. Caso contrário, estaremos enxugando gelo”, finalizou.

Agora é aguardar e conferir.

A lógica invertida de prioridade do Governo Flávio Dino

por Jorge Aragão

A cada dia fica mais claro o que é e o que não é prioridade no Governo Flávio Dino. Só que infelizmente para a maioria da população maranhense o governo comunista adota uma lógica invertida de prioridade.

No mês passado, o Governo Flávio Dino fez questão de gastar dinheiro público com propaganda informando que a gestão conseguiu economizar na Saúde. Apesar de parecer surreal, é verdade, o governo comunista se vangloriou de ter economizado dinheiro na Saúde do Maranhão, diante da precariedade em que se encontra o setor.

A informação propagada foi inclusive duramente criticada na Assembleia Legislativa (reveja), até mesmo pelo fato de que foi justamente na Saúde que ficou visível a queda do setor se comparado com o Governo Roseana. A queda na qualidade do atendimento foi facilmente comprovada nesta semana em uma rápida visita de surpresa da deputada estadual Andrea Murad na UPA da Cidade Operária (reveja).

O curioso é que no mesmo dia em que se percebe que faltam mais recursos para a Saúde, vem a público que o Governo Flávio Dino segue aumentando o Orçamento da Comunicação da sua gestão.

A pasta comandada por Márcio Jerry recebeu mais R$ 9 milhões. Os recursos, que tinham aplicação específica para serviços da dívida interna, foram remanejados, por meio de decreto, do Tesouro Estadual.

Com mais esse suporte, a Secretaria de Comunicação do Governo Flávio Dino passa a contar com pelo menos 67,9 milhões somente em 2017. O valor chega a impressionar, pois é R$ 24 milhões a mais do foi utilizado em 2016.

Ou seja, enquanto o Governo Flávio Dino se vangloria de economizar dinheiro na precária Saúde do Maranhão, segue destinando e gastando mais dinheiro para a comunicação e propaganda de sua gestão.

E assim segue o Governo da Mudança, mudando inclusive a lógica de prioridade.

Suposto mandante de homicídios é filiado ao PCdoB do MA

por Jorge Aragão

Nesta quinta-feira (27), em uma operação conjunta das policias do Maranhão e Pernambuco, foi preso no interior pernambucano Sebastião Patrick Campos de Almeida Souza, acusado de ser o mandante de 12 homicídios só em terras maranhenses.

A Polícia Civil do Maranhão trabalha inclusive com a possibilidade de que Sebastião Patrick tenha sido o mandante da execução do blogueiro Ítalo Diniz, assassinado em 2015 na cidade de Governador Nunes Freire, local onde o suposto criminoso possui propriedades.

Sebastião Patrick, considerado pela própria polícia como elemento de alta periculosidade, é filiado ao PCdoB do Maranhão e já inclusive se reuniu com o governador Flávio Dino, também comunista.

O encontro, registrado por fotos, aconteceu em 2016, quando foram debater sobre as eleições municipais em Governador Nunes Freire. Os comunistas apoiavam a candidatura de Indalecio Fonseca (PT) para prefeito da cidade. O petista, com apoio dos comunistas, foi eleito com quase 58% dos votos válidos.

Pelo visto seria melhor o PCdoB escolher melhor seus filiados e o governador escolher melhor com quem se reúne e de quem frequenta a residência.

A perseguição implacável do Governo Flávio Dino…

por Jorge Aragão

O Blog já relatou recentemente a campanha sórdida e torpe que está sendo desenvolvida contra a desembargadora Nelma Sarney (reveja), mas nada se compara ao que o Governo Flávio Dino tem feito contra a ex-governadora Roseana Sarney, principalmente no Caso SEFAZ.

Nesta semana veio a público mais uma prova de como age o Governo Flávio Dino contra aqueles que não leem na sua cartilha.

A Procuradoria Geral do Estado decidiu recorrer da decisão das Câmaras Criminais Reunidas do Tribunal de Justiça, que decidiram desbloquear os bens da ex-governadora. Entretanto, apesar do próprio Ministério Público não ter recorrido, o Governo Flávio Dino através da PGE resolveu recorrer, mas amargou mais uma derrota.

Desta vez foi o próprio presidente do TJ, desembargador Cleones Cunha, que rejeitou o recurso interposto pela PGE. Esta foi a terceira decisão do TJ favorável a Roseana Sarney.

O presidente do TJ, em sua decisão, deixou claro que não foi conseguido comprovar qualquer conexão entre a aquisição dos bens a serem bloqueados e a alegada “ação ilícita praticada”.

“Não se justifica a constrição, nos moldes indiscriminados requeridos e efetivados pelo juízo de primeiro grau, se não demonstrado pelo Ministério Público um nexo fático mínimo entre o proveito da ação ilícita praticada e a aquisição dos bens, nos termos do que dispõe o art. 126 do CPP”, completou.

O curioso é que essa destreza e zelo pelos bens públicos de órgãos do Governo Flávio Dino só aparecem quando os supostos acusados são adversários políticos do governador.

Tanto que aqueles que estavam no Governo Roseana, mas que se renderam ao modus operandi do Governo Flávio Dino, simplesmente não sofrem perseguição alguma e não respondem por absolutamente nenhum ato de improbidade. Já aqueles que mantiveram a coerência política, são os alvos principais dos comunistas.

E isso sem comentar dos inúmeros casos de denúncias de suposta corrupção dentro do próprio Governo Flávio Dino, pois nesses episódios os órgãos fiscalizadores do governo simplesmente adotam um silêncio sepulcral.

E assim segue a perseguição implacável do Governo Flávio Dino…

Flávio Dino promete reunir com secretários candidatos

por Jorge Aragão

Depois de ter aceitado no seu governo os secretários candidatos, algo que afirmou que não aconteceria, o governador Flávio Dino assegurou, em entrevista ao O Estado, que irá reunir com os secretários que pretendem disputar as eleições em 2018.

A reunião deverá para informar que os secretários têm que deixar as suas respectivas pastas até o fim deste ano, oportunidade em que Flávio Dino fará, obrigatoriamente e obviamente, algumas mexidas na sua equipe de governo.

É bem verdade que a legislação obriga a saída, ou seja, a desincompatibilização do cargo até seis meses antes do pleito, que acontecerá em outubro, mas a ideia do governador é antecipar para o fim de 2017.

“Eu acompanho essa movimentação, porém, até agora, sem nenhuma interferência. É um assunto que nós não tratamos ainda. É claro que mais para o fim do ano eu vou fazer uma reunião com esses pré-candidatos que já tiverem se manifestado, para discutir com cada um se serão mesmo candidatos ou não”, declarou.

A tendência é que aproximadamente dez secretários da atual equipe de Flávio Dino sejam testados nas urnas no ano que vem.

Apesar de articular uma saída “precoce” dos seus secretários que entrarão na disputa, Flávio Dino avalia que a “movimentação” daqueles que, mesmo ainda no governo, já buscam viabilizar suas candidaturas é legítima e faz parte do jogo político do Brasil.

“Há uma movimentação legítima de pré-candidatos, sejam atuais secretários, sejam atuais parlamentares, que já começam a se movimentar para a eleição do ano que vem e isso faz parte da política, tal como ela se desenvolve no Brasil”, destacou.

O curioso é que antes Dino não pensava assim, mas como muita coisa mudou do Dino candidato para o Dino governador, cobrar coerência e promessas anteriores parece, definitivamente, ser perda de tempo.

Gleisi Hoffmann também desmente suposto apoio a Waldir Maranhão

por Jorge Aragão

Pelo visto a passagem da presidente nacional do PT pelo Maranhão, a senadora Gleisi Hoffmann, foi devastadora para os mentirosos de plantão.

Inicialmente, conforme o Blog já demonstrou, a presidente do PT negou que tenha em algum momento convidado o governador Flávio Dino (PCdoB) para ser candidato a vice na chapa de Lula para as eleições de 2018 (reveja).

A notícia deixou os asseclas do comunista atônitos, pois queriam passar a imagem de que Flávio Dino possui alguma influência no debate da política nacional.

Depois a presidente do PT, através de uma Nota, também negou que tenha declarado apoio à candidatura do deputado federal Waldir Maranhão (PP) ao Senado Federal, conforme alguns blogs ligados ao parlamentar afirmaram.

“Encontrei-me com o deputado Waldir Maranhão para um cumprimento. Em nenhum momento falou-se em candidatura ao Senado nem tão pouco falei, ou reafirmei, apoio do presidente Lula a sua candidatura. Discussões sobre processo eleitoral e apoios às candidaturas locais cabem a direção estadual do PT no Maranhão”, disse Gleisi Hoffmann em Nota.

Na semana passada, os mesmos blogs afirmaram que o próprio Lula teria confirmado apoio a candidatura de Waldir Maranhão ao Senado, mas curiosamente não divulgaram a declaração do ex-presidente confirmando tal apoio.

Naquela oportunidade, o Blog do Jorge Aragão até questionou se a suposta declaração de Lula não seria mais uma traquinagem de Waldir Maranhão (reveja). A resposta parece ter vindo uma semana depois.

Acho que nem Flávio Dino e nem Waldir Maranhão gostaram muito da passagem da presidente do PT pelo Maranhão, afinal a senadora Gleisi Hoffmann mostrou que mentira tem perna curta.

Presidente do PT desmente convite para que Dino seja vice de Lula

por Jorge Aragão

Por essas os asseclas do governador Flávio Dino (PCdoB) não esperavam. Depois de comemorarem um tal convite para que o comunista fosse o candidato a vice na chapa encabeçada por Lula na disputa pela Presidência da República, a suposta autora do convite desmentiu categoricamente a informação neste sábado (22).

De passagem por São Luís, a presidente nacional do PT, a senadora Gleisi Hoffmann, ao ser questionada pelo jornalista Diego Emir, assegurou que jamais tratou desse assunto com Flávio Dino, ou seja, jamais o convidou para ser candidato a vice na chapa de Lula. Veja vídeo abaixo.

A bem da verdade, o jornalista Claudio Humberto, durante esta semana, também já havia desmentindo a informação plantada para passar a impressão que Flávio Dino esteja no debate político do cenário nacional (reveja).

Como já dizia meu avô: mentira tem perna curta.