Bira e o tiro no pé

por Jorge Aragão

Deputado Bira do Pindaré

No afã de utilizar a Tribuna diariamente falando apenas por falar, pharm sem acrescentar muita coisa, shop e tentando fazer média com o seu indicado para a Secretaria de Cultura de São Luís, ailment o futuro secretário adjunto Nelsinho, o deputado estadual Bira do Pindaré (PT) deu um verdadeiro tiro no pé.

O parlamentar foi a Tribuna para destacar o carnaval feito pela Prefeitura de São Luís na Praça Maria Aragão e ainda foi criticar o carnaval organizado pelo Governo do Maranhão. No entanto, o deputado esqueceu que ninguém, inclusive o próprio prefeito Edivaldo Júnior, esperaria que o carnaval fosse um sucesso, pois as dificuldades financeiras encontradas foram muitas e acertadamente o gestor priorizou a Saúde.

A fala desnecessária de Bira do Pindaré não poderia e não ficou sem resposta. O primeiro a contestar o petista foi o deputado Edilázio Júnior (PV).

“Vossa Excelência acabou de dizer: ‘Em nenhum momento eu disse que o carnaval da Maria Aragão foi um sucesso’, então foi um fracasso?”, questionou Edilázio ao petista, que ficou sem resposta. Edilázio ainda ressaltou a iniciativa de realização de uma festa em conjunto. “Se o prefeito não tivesse gastado esse um milhão na Maria Aragão, São Luís não teria perdido nada, o carnaval da nossa capital não teria perdido nada, todo mundo iria para a Deodoro, até porque foi um fracasso, a gente tem que reconhecer, o carnaval da Maria Aragão. Ainda defendo a parceria institucional entre a prefeitura e o Estado”, finalizou.

Deputado Alexandre Almeida

Perdendo o debate, Bira do Pindaré também partiu para cima da governadora Roseana Sarney (PMDB) e absurdamente criticou o fato da governadora ter se vestido de fofão para participar do Carnaval. “Agora, se o prefeito aparecesse, tenho certeza de que ele não ia escondido numa roupa de fofão para ninguém reconhecer”, alfinetou.

O deboche de Bira também não ficou sem resposta e o deputado Alexandre Almeida mostrou a contradição do petista na Tribuna, que exige acertadamente respeito pela opção religiosa do prefeito, mas desrespeita a governadora por gostar de brincar o carnaval.

“Vossa Excelência tenta também justificar o fato do prefeito não ter andado durante o carnaval em São Luís, eu acho que realmente é uma questão pessoal do prefeito, ele tem um estilo de vida, ele tem uma formação religiosa que tem que ser respeitada e nós respeitamos. Agora eu não admito Vossa Excelência querer desrespeitar a nossa governadora, por ela ter participado do carnaval dizendo que ela foi para o circuito de fofão, por favor!”, declarou Almeida.

Por fim foi o deputado Max Barros (PMDB), que num estilo mais “paz e amor”, também retrucou o posicionamento do petista.

“Foram as empresas privadas que patrocinaram os shows do carnaval do Governo do Estado na Deodoro e pela informação que eu tenho, não teve um tostão do imposto do cidadão. Foi captação junto a empresas privadas que patrocinaram esses grandes shows, mesmo que fosse recurso público, se justificavam, foi um sucesso o carnaval. Então, eu acho que nós aqui temos é que somar forças, a Prefeitura e Governo do Estado para melhorar a nossa cidade. Eu parabenizo o prefeito fez o que foi possível e parabenizo a governadora que patrocinou um grande carnaval na nossa cidade”, disse o peemedebista.

Definitivamente o deputado Bira do Pindaré precisa se poupar mais e utilizar a Tribuna quando realmente for necessário, pois caso contrário, vai meter os pés pelas mãos e vai sair com a sensação, como foi hoje, de que era melhor ter ficado calado.

9 comentários

Hospital Carlos Macieira também é castigado pelas fortes chuvas

por Jorge Aragão

Hospital Carlos Macieira

A Secretaria de Saúde do Maranhão divulgou Nota nesta quinta-feira (14) informando que a estrutura física do Hospital Carlos Macieira sofreu com as fortes chuvas que caem sobre São Luís nos últimos dias. O Blog divulga abaixo na íntegra a Nota da SES.

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) informa que a forte chuva ocorrida em São Luís, shop na madrugada da última quarta-feira (13), que provocou abalos na estrutura física de unidades hospitalares públicas e privadas na capital, também causou a infiltração de água nas salas do setor administrativo e na área do laboratório de análises clínicas no térreo do Hospital de Alta Complexidade Carlos Macieira.

As áreas afetadas estão em andar com estrutura antiga, ainda não reformada, e que serão submetidas às medidas de engenharia necessárias para evitar que novos alagamentos voltem a ocorrer.

O setor administrativo e parte dos equipamentos do laboratório foram removidos para outras áreas do próprio hospital. O processamento dos exames laboratoriais dos pacientes internados no Carlos Macieira está sendo feito na Maternidade Marly Sarney, sendo que o tomógrafo e os demais equipamentos que realizam exames de imagem continuam funcionando normalmente no próprio hospital.

Os elevadores passam por manutenção permanente e não foi registrado nenhum incidente com pacientes, e estes não sofreram qualquer prejuízo em decorrência dos danos causados pelas chuvas.

1 comentário

Marina Silva e o seu novo partido…

por Jorge Aragão

Marina Silva

O estatuto provisório do novo partido que a ex-senadora Marina Silva decidiu criar veta o recebimento de doações de fabricantes de bebidas alcoólicas, buy cialis cigarros, doctor armas e agrotóxicos. A norma barraria até contribuições que a própria Marina recebeu em 2010, try quando foi candidata à Presidência pelo PV.

Naquela campanha, ela teve entre seus financiadores a Ambev, que fez doações que somaram R$ 400 mil. No total, ela recebeu R$ 25 milhões.

Os setores banidos estão entre os grandes doadores eleitorais. Sozinhos, os quatro maiores doadores da indústria de bebidas repassaram R$ 100 milhões a candidatos desde 2002.

Marina foi procurada, via assessoria, para comentar as doações recebidas em 2010, mas não se pronunciou.

O manifesto político proposto para o novo partido defende o financiamento público de campanha e ataca a relação entre os “doadores e as leis feitas pelos eleitos”.

Esse manifesto e a minuta do estatuto –que se refere ao novo partido apenas pelo nome de Rede –serão discutidos e votados em assembleia neste sábado, em Brasília.

A aprovação dos documentos é o primeiro passo para a ex-senadora tirar do papel o novo partido, com o qual pretende disputar novamente a Presidência, em 2014.

Depois disso, o partido, cujo nome ainda não está definido, terá de recolher cerca de 500 mil assinaturas para obter o registro. Para que possa disputar as eleições de 2014, o processo tem de estar finalizado até um ano antes da eleição, ou seja, até o próximo dia 4 de outubro.

Segundo o deputado Walter Feldman (PSDB-SP), que atua na criação do partido, a escolha do veto às doações foi “consensual”. Ele diz que “é muito provável” que as restrições sejam ainda maiores “Nada impede que se amplie para empresas que fazem negócio com o poder público.”

FICHA LIMPA

Além da proibição das doações, o estatuto prévio prega também o veto à filiação de pessoas enquadradas na Lei da Ficha Limpa e determina aos parlamentares da legenda um “combate rigoroso” a “privilégio ou regalia em termos de vencimentos normais e extraordinários”.

De 2008 a 2011, Marina exerceu mandato no Senado, que paga 15 salários por ano e até R$ 38 mil de verba para o exercício do mandato.

Favorável à candidatura de pessoas sem filiação partidária, a Rede permitirá, segundo seu estatuto, que até 30% de seus candidatos sejam representantes movimentos sociais “que não pretendam exercer vínculos orgânicos” com nenhuma legenda.

A Lei Eleitoral, no entanto, exige que um candidato tenha filiação partidária, o que obrigaria mesmo essas pessoas a ter registro no partido.

Apesar de serem tratadas como independentes, o partido exige que elas não atuem “frontalmente” contra o estatuto, o programa e o manifesto da legenda.

Em vídeo divulgado ontem, Marina disse que o partido será “uma ferramenta nova” para “integrar o esforço em busca da sustentabilidade no espaço da política institucional”.

A Rede, como é chamada por enquanto, aposta na mobilização via internet para conseguir as cerca de 500 mil assinaturas necessárias no prazo legal. O partido quer disponibilizar em seu site as fichas para que os apoiadores imprimam e assinem.

Continue lendo

9 comentários

Prefeito Edivaldo Júnior visita áreas castigadas pela chuva

por Jorge Aragão

Prefeito Edivaldo Júnior ao lado dos secretários José Silveira e Felipe Camarão

O prefeito de São Luís, ask Edivaldo Holanda Júnior, decease acompanhado de parte dos secretários de governo, visitou na tarde de quarta-feira (13) diversas áreas atingidas pela chuva forte que cai na capital maranhense. Os representantes do governo municipal estiveram nos locais para avaliar os prejuízos, dialogar com as famílias que sofreram com alagamentos na região da Cohab/Cohatrac, Cidade Operária e Anil e definir as medidas emergenciais.

“É importante estarmos juntos nesse momento, ver de perto a gravidade dos problemas causados pela chuva e dessa forma atendermos a população com maior agilidade. Nossa população pode ter certeza que a prefeitura estará sempre presente e buscará a solução para os problemas de nossa cidade”, afirmou o prefeito Edivaldo Holanda Júnior.

A vistoria contou com a presença dos secretários de Urbanismo (Semurh), Felipe Camarão, de Obras e Serviços Públicos (Semosp), José Silveira Sousa, representantes da Secretaria da Criança e Assistência Social (Semcas) e a vereadora Rose Sales (PCdoB).

A equipe vistoriou a limpeza e desobstrução do canal da Cohab-Cohatrac, que teve suas saídas de escoamento de águas pluviais entupidas por dejetos e provocou alagamentos nas 43 casas construídas sobre o córrego e em várias ruas nas proximidades.

Diversas famílias tiveram que abandonar suas casas durante a noite. Segundo depoimentos de moradores, apenas 30 minutos de chuva foram suficientes para provocar uma enxurrada e a água entrou nas residências sem que as pessoas tivessem tempo de levar objetos pessoais ou eletrodomésticos. Muitos tiveram que buscar abrigo na casa de amigos e familiares.

O secretário José Silveira Sousa informou que a obra de estrutura e recuperação do canal, iniciada na gestão passada, foi orçada em R$ 13 milhões e deveria ter sido concluída em setembro de 2011, mas somente 40% foi realizada. “Infelizmente é mais um problema deixado pela gestão anterior e que temos que enfrentar com urgência”, disse.

O canal Cohab-Cohatrac se estende do bairro Planalto-Cohab até a Maiobinha. Originalmente era um córrego e ao ser urbanizado devido à construção de bairros, foi designado para receber águas pluviais. “Além da ocupação desordenada e ilegal sobre o canal, sabemos que é lançado esgoto neste canal, o que só piora a situação”, denuncia a vereadora Rose Sales.

Anil e Cidade Operária

No Anil a equipe esteve com representantes das 46 famílias que estão desabrigadas. Há um número considerável de casas que sofreram alagamentos. Na vila da Associação de Produtores Agrícolas da Cidade Operária (Apaco) formada por 165 famílias, 117 estão desabrigadas.

O prefeito Edivaldo Holanda Júnior também visitou a feira do Anil, que teve seu teto destruído nesta madrugada. O prefeito determinou a limpeza do canal do Anil e, após verificar a gravidade da situação, estabeleceu obra de reconstrução da feira como uma das prioridades da pauta da Semosp. A partir desta quinta-feira (14), todas as famílias que estão vivendo em áreas atingidas pelas chuvas, serão atendidas prioritariamente pela Semcas.

3 comentários

Vila Isabel é a grande campeã do Carnaval 2013

por Jorge Aragão

Um dos carros da Vila Isabel no desfile no sambódromo. Foto da Agência Terra.

Numa disputa emocionante e acirrada a Unidos de Vila Isabel conquista o título de campeã do Grupo Especial do Carnaval do Rio em 2013. A escola encantou o público e os jurados com o enredo “A Vila Canta o Brasil Celeiro do Mundo – Água no feijão que chegou mais um…” em homenagem aos lavradores. A Vila Isabel foi a última escola a desfilar na madrugada de terça-feira (12).

Com o título a Vila Isabel sagra-se tricampeã, viagra sale pois já havia vencido anteriormente o carnaval carioca nos anos de 1988 e 2006. A escola obteve 299, pilule 7 pontos, buy dos 300 pontos possíveis. A Beija-Flor terminou em segundo lugar e a campeã de 2012, Unidos da Tijuca, ficou na terceira colocação. A estreante na elite do carnaval carioca, a Inocente de Belfort Roxo, foi a última colocada e assim rebaixada.

O titulo deste ano tem um sabor todo especial para a Vila Isabel, pois um dos seus maiores ícones, o sambista e cantor Martinho da Vila, completou 75 anos, justamente no dia do desfile da escola no sambódromo.

Faça seu comentário

“A renúncia foi pelo bem da igreja”, afirma Papa Bento XVI

por Jorge Aragão

Papa Bento XVI

O Papa Bento XVI, try em sua primeira fala em público desde que anunciou sua renúncia, click disse nesta quarta-feira (13) no Vaticano que tomou a decisão de abandonar o pontificado “em plena liberdade, patient pelo bem da Igreja”.

Bento XVI disse que “orou arduamente e examinou sua consciência” antes de tomar a decisão.

O pontífice alemão, de 85 anos, reiterou que está consciente da gravidade da decisão, mas também que está consciente da diminuição de suas forças espirituais e físicas.

Ele disse ter certeza que a Igreja iria sustentá-lo com orações e que Cristo continuará sendo seu guia.

O papa chegou às 10h44 locais (7h44 de Brasília) para a tradicional audiência geral das quartas-feiras, na Sala Paulo VI, e foi aplaudido de pé por emocionados fiéis de vários países, inclusive do Brasil.

Depois de ouvir os gritos de “Bento, Bento!”, o pontífice agradeceu pela calorosa recepção.

“Agradeço a todos por vosso amor e vossas orações”, afirmou, com aparência cansada.

Clique aqui e continue lendo

2 comentários

O drama de um desembarque no “moderníssimo” Aeroporto Hugo da Cunha Machado

por Jorge Aragão

A escada coberta demorou 50 minutos

Quem esteve no voo 3550 da TAM, sickness que faz o trecho São Paulo/São Luís, ampoule na madrugada desta quarta-feira (13) viveu um verdadeiro drama para desembargar no “moderníssimo” e recém-reformado Aeroporto Hugo da Cunha Machado na capital maranhense.

O voo deixou o Aeroporto de Guarulhos por volta das 0h15 e chegou em São Luís, mesmo com a forte chuva, dentro do horário previsto, por volta das 2h25, mas a partir daí, até os passageiros deixarem o aeroporto foi um espera que parecia interminável.

Enquanto chovia forte no aeroporto, os passageiros ficaram todos dentro da aeronave e só conseguiram desembarcar 50 minutos após a aterrissagem e pasmem, o motivo de tanta demora foi simplesmente a falta de uma escada coberta que levaria os passageiros para um ônibus, que por sua vez levaria os passageiros ao setor de desembarque.

Somente após a chegada da escada coberta, já por volta das 3h20, foi que os passageiros começaram a deixar o voo 3550 da TAM.

“Embarquei em Curitiba na chuva e desci em São Paulo também na chuva, mas chegando aqui em São Luís somos obrigados a esperar quase uma hora para que providenciassem uma escada coberta, isso é um absurdo, uma total falta de respeito com os passageiros”, declarou um dos passageiros do voo.

Coisas que não deveriam acontecer num aeroporto de uma capital e que acaba de passar por uma reforma, mas infelizmente aconteceu.

13 comentários

Os novos no comando

por Jorge Aragão

Jota Pinto, doctor Neto Evangelista, Edilázio Júnior e Marcos Caldas novos líderes dos Blocos

Da coluna Estado Maior

É provável que na próxima semana a Assembleia Legislativa tenha formadas as suas comissões técnicas, pois as conversas nesse sentido já estão em pleno andamento. O diferencial é que agora articulações estão sob a responsabilidade da nova geração de deputados, que estão no comando das representações – blocos e bancadas – no plenário.

No centro das negociações está o deputado Roberto Costa (PMDB), que está no comando do Bloco Parlamentar pelo Maranhão (BPM), o Blocão, formado por deputados do PMDB, PTB e DEM. Com 10 votos, o Blocão é o mais influente e representa cerca de um terço da base de apoio do Governo do Estado. Vai dar as cartas nas comissões mais importantes. O deputado Rubens Júnior (PCdoB) lidera o Bloco Parlamentar de Oposição (BPO), integrado por deputados do PCdoB, PPS e PSB, que tenta, em vão até aqui, arregimentar votos contra o governo. O deputado Marcos Caldas (PRB), que ganhou notoriedade quando assumiu interinamente o governo por 10 dias, foi escolhido líder do Bloco União democrática (BUD), se declarando independente, mas integra a base de apoio do governo.

Um dos articuladores da nova geração de deputados, Edilázio Júnior foi escolhido para ser o líder da bancada do PV, com quatro deputados. Na outra ponta está o deputado tucano Neto Evangelista, que lidera o Bloco Parlamentar formado por PSDB e PDT. Na mesma posição, está o deputado Jota Pinto, líder do Bloco Democrático (BD), formado por PP/PSC/PSL/PEN/PR. E o único que não integra a nova geração: Raimundo Cutrim, que lidera a bancada do PSD. São esses parlamentares que definirão, com seus blocos e bancadas, o futuro imediato da Assembleia Legislativa.

Faça seu comentário

Mangueira vence o Estandarte de Ouro do Carnaval 2013

por Jorge Aragão

A Estação Primeira de Mangueira ganhou o Estandarte de Ouro do carnaval 2013. Na 42ª edição do prêmio, seek o júri escolheu a verde e rosa como a melhor escola do Grupo Especial. A porta-bandeira da agremiação, salve Marcella Alves, também levou o troféu por ser considerada a mais graciosa e com a fantasia mais bonita.

– Todos estão me dando parabéns pelo prêmio. Estou muito feliz! Para mim, este prêmio é como o Oscar do samba. Ser consagrada por um júri tão especializado como este é uma honra, um marco na minha carreira. É meu segundo Estandarte depois de 11 anos. Isso para mim é prova de que fiz um ótimo trabalho – comentou Marcella, que é porta-bandeira há 20 anos, e está há 16 desfilando no Grupo Especial.

Matheus Freitas, de 14 anos, terceiro mestre-sala da Mangueira, levou o Estandarte de Ouro como revelação do carnaval 2013. A escola também foi premiada pela melhor Ala das Baianas.

O samba-enredo “A Vila canta o Brasil celeiro do mundo. Água no feijão que chegou mais um…”, da Unidos de Vila Isabel, foi escolhido o melhor do desfile do Grupo Especial. Segundo os jurados, o samba composto por Martinho da Vila, Arlindo Cruz, André Diniz, Tunico da Vila e Leonel, encantou o público na Sapucaí. A escola também levou o Estandarte de Ouro pela melhor passista, Kelly Amaral. Bruno Guilherme, da São Clemente, foi escolhido o melhor passista masculino.

Faça seu comentário

Jorge Ben Jor é a grande atração desta terça-feira

por Jorge Aragão

Jorge Ben Jor no “encerramento” do Carnaval

Para fazer a festa nesta terça-feira de Carnaval, sales atrações de primeira animarão as ruas do Centro e Madre Deus, pills em São Luís. A programação do Governo do Estado destaca shows de Jorge Ben Jor, find Mano Borges, Pepê Júnior e Gerude, a partir das 18h30, na Praça Deodoro; apresentações de casinhas da roça e blocos alternativos, às 17h, no Circuito Deodoro/Cajazeiras e de tambores de crioula, blocos, tribos de índio e de baterias de escolas de samba, às 18h, nos pontos de som da Madre Deus.

E na despedida do Carnaval, a folia será ao som do alquimista Jorge Ben Jor. Um dos maiores nomes da MPB, o artista encerra o roteiro de shows que foi iniciado no domingo (3), com Monobloco, e prosseguiu no sábado (9), com Alcione; domingo (10), com Timbalada; e segunda (11), com Diogo Nogueira.

O menino nascido em Madureira, que cantava no coro da igreja e gostava de participar de blocos de carnaval, fará um passeio musical por seus grandes sucessos. Entre os hits emplacados, sucessos que embalam o reinado de Momo pelos quatro cantos do país, a exemplo de “País Tropical”, “Fio Maravilha”, “Taj Mahal”, “A banda do Zé Pretinho”, “Mas que nada”, “Chove Chuva”, “W/Brasil (Chama o Síndico)”, “Engenho de dentro”, “Zazueira”, “Jorge da Capadócia” e muito mais. Um show para todas as idades, todas as classes e todos os gêneros.

A noite também será animada por Mano Borges, que apresenta uma seleção de marchinhas e canções que embala gerações. Pepê Júnior e Banda cantam sucessos de nomes como Chiclete com Banana, Ivete Sangalo, Claudia Leitte, Timbalada e muito mais, num mix feito na medida para quem quer aproveitar o último dia de folia.

Deodoro/Cajazeiras e Madre Deus

A festa também movimenta o Circuito Deodoro/Cajazeiras, a partir das 17h. Nesse desfile pela Rua do Passeio, seguirão as Casinhas da Roça, de Tapera e Tijupá. A programação inclui, ainda, o Corso Reviver, os blocos alternativos Garotinhos Beleza, Jegue Folia, Confraria do Copo, Sem Limite e o Bloco do Reggae Gdam.

Haverá apresentações também nos pontos de som instalados no Beco as Minas, Vila Gracinha, Praça da Saudade, Beco do Gavião e Ponto de Fuga (Madre Deus). Serão 25 atrações em cada um desses espaços. Tambores de crioula, blocos alternativos, organizados, tradicionais, afros tribos de índio, baterias de escola de samba integram o roteiro.

Nesta terça-feira (12), a partir das 19h, o Ceprama recebe shows de diversos artistas. Subirão ao palco, os Grupos Argumento, Sindicato do Samba, Madrilenus, Vamu di Samba, Pagode do Ivan, Espinha de Bacalhau e Bicho Terra.

Faça seu comentário