Para a Comissão de Grilagem, a fraude está comprovada

por Jorge Aragão

Delegado Carlos Alberto Damasceno

O delegado Carlos Alberto Damasceno, decease que preside a comissão de delegados que investiga crimes de grilagem de terra no Maranhão, concedeu entrevista exclusiva ao repórter Marcial Lima, veiculada na manhã desta quinta-feira (16), no programa Ponto Final, na rádio Mirante AM.

Carlos Damasceno disse que existem inúmeras quadrilhas que atuam no crime de grilagem nos municípios de Raposa, Paço do Lumiar, Ribamar e Itaqui-Bacanga que se apoderam de propriedades de imóveis e fabricam, mediante escrituras públicas, esses titulos de propriedades a fim de se transformarem em registro de imóveis.

Suposta Fraude

Indagado sobre as denúncias de suposta fraude de terrenos contra o deputado estadual Raimundo Cutrim, o delegado afirmou que o parlamentar é beneficiário dessa documentação que lhe dá pretensa legalidade em termos dessas propriedades.

– A investigação que ainda está em andamento vai, exatamente, mensurar isso. Até que ponto essa qualidade de beneficiário também teve a tutela de produzir essas fraudes. E essa contextualização só será realmente fechada no termo do inquérito policial – ressaltou.

Clique aqui e continue lendo

Faça seu comentário

Taí o que Pereirinha queria ouvir…

por Jorge Aragão

Pereirinha e João Castelo

O Blog não tem nenhuma bola de cristal, pharm mas estava na cara que o prefeito de São Luís iria rasgar elogios a Câmara Municipal de Vereadores e defender o retorno dos mesmos para o legislativo da capital maranhense.

Na semana passada, here o Blog trouxe aqui o descontentamento do presidente da Câmara de Vereadores de São Luís, Pereirinha, com uma crítica feita pelo candidato à prefeito de São Luís pelo PT, Washington Oliveira.

Além de não ter gostado de Washington Oliveira ter dito que a Câmara “era submissa às vontades do prefeito João Castelo”, Pereirinha soltou “cobras e lagartos” para cima do petista.

Na oportunidade, o Blog fez questão de lembrar ao presidente da Câmara Municipal que Washington Oliveira, entre os candidatos a prefeitura, não foi o único a criticar a postura adotada pelo legislativo municipal. Mais ainda, o Blog antecipou que Pereirinha aguardasse que o elogio viria do prefeito João Castelo quando fosse entrevistado e não deu outra.

“A Câmara Municipal sempre esteve ao nosso lado, nos ajudando a governar e todos eles merecem ser reeleitos e voltar para o legislativo”, afirmou na Rádio Mirante AM, o prefeito João Castelo.

O curioso é que nem foi preciso ninguém perguntar nada sobre a Câmara de São Luís, a declaração de agradecimento ao legislativo municipal foi totalmente espontânea por parte do prefeito de São Luís.

Confesso aos leitores que mesmo sem bola de cristal, essa foi fácil acertar ou alguém esperava outra coisa da atual relação entre o executivo e o legislativo municipal?

Leia aqui: Se fosse só Washington…

6 comentários

Baixaria começa mais cedo do que se esperava

por Jorge Aragão

Candidato do PSOL, health Haroldo Saboia

Ainda nem começou o horário eleitoral gratuito e a baixaria já começou na disputa pela prefeitura de São Luís.

O Conselho Regional de Enfermagem tentou realizar na Assembleia Legislativa um debate entre os candidatos a prefeitura de São Luís. O debate estava sendo mediado pela deputada estadual e também enfermeira, Valéria Macedo (PDT), e contava com a participação da maioria dos candidatos, mas precisou ser interrompido.

A interrupção foi provocada após o candidato do PSOL, Haroldo Saboia, ter chamado o candidato a vice-prefeito na chapa de Washington Oliveira (PT), o deputado estadual Afonso Manoel (PMDB) de “candidato agrolusa”.

Afonso Manoel retrucou pedindo respeito e afirmando ter nome. “Me respeite, Haroldo. Tenho nome, sou deputado estadual eleito pelo povo e mereço respeito”, afirmou.

Como o candidato do PSOL não se desculpou, o bate-boca entre os dois candidatos foi inevitável. A plateia deixou o local decepcionada e os demais candidatos que participavam do debate – Tadeu Palácio (PP), Eliziane Gama (PPS), Marcos Silva (PSTU) e Ednaldo Neves (PRTB) – acertadamente deixaram o recinto e se recusaram a participar da baixaria provocada por Saboia.

A confusão acabou refletindo e esvaziando também o debate promovido pelo Conselho Regional de Medicina, que aconteceu logo em seguida, na sede do CRM, no Renascença.

Como já dizia minha avó: “cada um dá o que tem”.

7 comentários

Presidente do PT confirma Lula e Dilma em São Luís

por Jorge Aragão

Washington Oliveira e Rui Falcão

A notícia não poderia ser melhor para o candidato do PT a prefeitura de São Luís, treatment o vice-governador Washington Oliveira. O presidente da Direção Nacional da legenda, Rui Falcão, veio a São Luís pessoalmente confirmar a participação do ex-presidente Lula e da atual presidenta, Dilma Rousseff, ambos petistas, na campanha de Washington.

“A candidatura de Washington em São Luís é uma das mais estratégicas e importantes do país para o PT. Para a direção nacional do partido, a eleição de Washington é uma questão de honra”, afirmou o presidente do PT, Rui Falcão.

O ex-presidente Lula, que já gravou sua mensagem de apoio a candidatura de Washington Oliveira, deverá vir a São Luís participar da festa de aniversário de 400 anos da cidade, no próximo dia 08 de setembro. A presidenta Dilma Rousseff por sua vez deverá estar na capital maranhense na última semana do mês do agosto.

Washington Luiz disse ao líder nacional do PT que sua administração se espelhará no governo Lula, com o modo petista de governar.

O candidato petista agradeceu a presença do dirigente nacional do PT, que veio fortalecer sua campanha em São Luís.

“Esta foi a primeira visita de lideranças nacionais que virão declarar apoio a nossa candidatura.  Estamos esperando o presidente Lula, que já nos informou que virá à São Luís, além de outras lideranças nacionais do nosso partido para assegurar ao povo da nossa cidade a sintonia que temos com o Governo Federal”, enfatizou.

Washington, Afonso Manuel (vice-prefeito na chapa petista) e o líder nacional do PT, Rui Falcão, participaram de um encontro no início da tarde, que contou ainda com participação dos deputados federais Sarney Filho, Pedro Novais, Costa Ferreira, Pedro Fernandes; deputados estaduais Arnaldo Melo (presidente da Assembleia Legislativa), Francisca Primo, Raimundo Cutrim, Ricardo Murad, César Pires, Edilázio Junior, Roberto Costa, Eduardo Braide, Jota Pinto e Zé Carlos; secretários de Estado como o Chefe da Casa Civil, Luís Fernando Silva; candidatos a vereador, líderes políticos e representantes de movimentos sociais.

2 comentários

Depoimento de Cutrim durou três horas

por Jorge Aragão

Deputado estadual Raimundo Cutrim

Nesta quarta-feira (15), stomach o deputado estadual Raimundo Cutrim (PSD), prestou depoimento a Comissão de Grilagem da Polícia Civil do Maranhão. O depoimento que iniciou às 16h durou aproximadamente três horas e foi realizado no gabinete do parlamentar.

A princípio, o depoimento era para ter acontecido na semana passada, mas foi adiado a pedido da própria comissão de investigação, conforme o Blog informou com exclusividade (reveja aqui).

No depoimento de hoje, pelas informações obtidas pelo Blog, Raimundo Cutrim teria apresentado toda a documentação da compra das terras que ele estaria sendo acusado de ter “grilado”. Cutrim alega que é vítima, pois pagou pelas terras adquiridas e agora estaria descobrindo que a documentação repassada a ele seria falsificada.

Tanto o deputado Raimundo Cutrim, quanto os delegados que integram a Comissão de Grilagem, deixaram a Assembleia Legislativa sem falar com a imprensa.

Na noite desta quarta-feira quem prestará depoimento será o secretário de Assuntos Estratégicos do Governo do Maranhão, Alberto Franco. O depoimento de Franco será realizado na Supervisão de Área Integrada da Polícia Civil, no Turu, onde a Comissão de Grilagem tem concentrado os trabalhos. Franco à época era o responsável pelo cartório que legalizou a compra e venda dos terrenos.

1 comentário

O reconhecimento do trabalho de César Pires na Educação

por Jorge Aragão

O reconhecimento até da Oposição

Os resultados do IDEB (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) não foram satisfatórios para o Maranhão e mais uma vez o Estado ficou com índices abaixo da meta estabelecida pelo MEC (Ministério da Educação).

A Oposição, link cumprindo o seu papel, fez duras críticas na Assembleia Legislativa do Maranhão. No entanto, apesar de criticarem o atual momento, os deputados estaduais Marcelo Tavares (PSB) e Rubens Júnior (PC do B), fizeram questão de ressaltar a passagem do colega deputado César Pires, atualmente líder do Governo, pela secretaria de Educação.

“Em 2009, nós tínhamos números ainda ruins, mas eram crescentes, vinham de forma crescente”, afirmou Tavares, que ainda salientou: “De todos os secretários de Educação que passaram um breve momento na Secretaria, de todos aqueles que por lá passaram, eu tenho até que reconhecer que quem fez o melhor trabalho foi o deputado César Pires, mas me parece que esse mérito não faz a governadora escolher seu secretariado”.

Já Rubens Junior chegou a dizer que sente saudades da Educação comandada por César Pires. “Já sinto até saudade quando era o deputado César Pires o secretário de Educação”.

O reconhecimento é justo e merecido, pois foi em 2009, quando César Pires assumiu a secretaria de Educação do Estado, que o Maranhão conseguiu mais crescer nos índices do IDEB. Naquele momento, auferido em 2010, os estudantes dos anos iniciais do ensino fundamental alcançaram a média de 3,9. O Maranhão ultrapassou a meta prevista para o ano de 2009, de 3,3, e até mesmo a projeção para 2011, que era de 3,7.

Os dois oposicionistas ainda fizeram uma crítica já feita pelo Blog, sobre o fato de um único gestor acumular duas pastas importantes, entre elas a Educação.

“Nem secretário efetivo de Educação nós temos. Nós temos um secretário de Planejamento que responde pela Secretaria de Educação. Senhora Governadora, enquanto é tempo, nomeie um Secretário de Educação efetivo”, pediram os oposicionistas, mas sem deixar de reconhecer quem deu sua parcela de contribuição para tentar melhorar a Educação do Maranhão.

7 comentários

“Quero ver o povo com seus direitos resgatados”, afirma Castelo

por Jorge Aragão

João Castelo candidato a reeleição (foto g1)

Nesta quarta-feira (15), unhealthy encerrando a primeira rodada de entrevistas na Rádio Mirante AM, o entrevistado foi o prefeito de São Luís e candidato a reeleição, João Castelo (PSDB). O tucano foi o último entrevistado e o Blog faz agora um breve resumo sob alguns dos pontos destacados pelo candidato durante a sabatina.

A perda de partidos

“Na eleição passada não tinha sigla nenhuma comigo e venci a eleição. Não estou preocupado com siglas, quem elege é voto popular”.

“Eu fui muito correto com todos aqueles que participaram de minha eleição”.

PPS e PDT

“O PPS está todo comigo. O partido não poderia ter obrigado os candidatos a irem para o sacrifício”.

“A grande militância do PDT está comigo. Lamentamos apenas que o comando do partido tenta coagir os seus candidatos”.

Helena Dualibe

“O desligamento da Helena (vice-prefeita) foi conveniência da administração. Precisava despolitizar a Saúde e procurei um técnico e político que fez um grande trabalho”.

2º turno

“Não escolhemos adversário. Além disso, quem sabe o povo não decida a situação ainda no 1º turno”.

Rejeição

“Só tem rejeição quem é o administrador. Quem não vota em mim é contra a minha candidatura. Tenho certeza que essa rejeição irá diminuir no horário eleitoral”.

Tadeu Palácio

“Para se ter uma ideia recebemos a prefeitura de São Luís com um débito, incluindo restos a pagar, de mais de R$ 1 bilhão. Como poderíamos pagar isso de uma vez com o orçamento que temos?”

“Não tinha dinheiro no caixa, o que tinha era buraco no caixa”.

“Antigamente não havia limpeza pública, havia era uma maquiagem. Hoje sim a cidade está limpa. Eram gastos R$ 6 milhões na gestão passada, atualmente são gastos R$ 8 milhões e a cidade está bem mais limpa”.

“Educação é prioridade para nossa gestão. Na última administração foi concedido apenas 11%  de reajuste para os professores, já na nossa gestão o aumento foi de 30%, demonstrando que valorizamos o profissional da Educação.”

“Não pude trabalhar antes, pois a prefeitura não tinha nenhum projeto e não sabia que iria encontrar uma montanha de débitos”.

Cemar

“A Cemar é uma empresa privada, se a prefeitura municipal de São Luís atrasou alguma conta foi por dificuldades financeiras, mas que rapidamente foram resolvidas. A Cemar devia também pensar um pouco na população e não somente no lucro”.

Parcerias

“Eu nunca disse que não aceitaria parcerias com o Governo do Maranhão, ao contrário, eu sempre busquei. Temos uma convivência pacífica, mas não temos apoio”.

“O interesse público, os interesses da cidade, estão acima do interesse político”.

Hospital

“O Hospital de Urgência e Emergência já está sendo construído e ali é o melhor local. Ele dará suporte ao outros hospitais”.

Roberto Rocha

“Sair do PSDB foi uma opção do Roberto Rocha, mas onde ele está hoje? Está desaparecido, assumiram a candidatura que ele é vice e ele sumiu”.

Escola em tempo integral

“É um modelo interessante mas primeiro precisamos analisar se a prefeitura tem condições de bancar isso, acho que não. Não irei enganar a população”.

Metropolização

“Temos que efetivar a metropolização, pois é fundamental, mas defendo que seja apenas com os quatro municípios da Ilha”.

Câmara Municipal

“A Câmara Municipal sempre esteve ao nosso lado. Nos ajudando a governar e todos eles merecem ser reeleitos e voltar para o legislativo”.

Hospital da Criança e Procuradoria Geral do Município

“Não houve nenhuma interdição do Hospital da Criança e nem da Procuradoria Geral do Município”.

Propostas

“Iremos fazer em 18 meses um grande projeto de mobilidade urbana com uma nova avenida que circulará a cidade inteira. Além disso, teremos sete linhas de VLT e depois criaremos e pensaremos no BRT”.

Finalizando

“Esse povo merece uma cidade melhor. Não tenho a intenção de me eleger apenas para dizer que sou prefeito, já fui tudo na política, governador, senador, deputado, enfim. O que quero é ver o povo com seus direitos resgatados”.

19 comentários

Presidente do TJ assegura continuidade da Via Expressa

por Jorge Aragão

O presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA), medical desembargador Antonio Guerreiro Júnior, thumb determinou nesta quarta-feira (15), em caráter de urgência, a continuidade das obras da Via Expressa. O desembargador concedeu ao Governo do Estado o pedido de suspensão da medida liminar concedida pela 3ª Vara da Fazenda Pública de São Luísa capital, que suspendeu os serviços de construção da avenida no trecho do Vinhais Velho.

No pedido, o Estado sustentou que a liminar concedida pela vara judicial “viola a ordem pública, na medida em que impõe de forma desproporcional a suspensão da obra cuja execução se encontra em estágio avançado”. Alegou ainda que o atraso na conclusão da obra “acarreta custos a serem suportados pelo contratante, causando indesejável lesão à economia popular”.

INTERFERÊNCIA – Na decisão, Guerreiro Júnior disse ter verificado, sem entrar no mérito da causa, que a liminar que suspendeu a obra culminou na invasão da esfera de atuação do Poder Executivo, e por consequência, resultou em lesão à ordem, abalada diante da ofensa a um dos princípios básicos da Constituição – a independência entre os poderes.

“O caso envolve contrato no importe de R$ 55.139.849,52. Dessa forma, é inegável que a determinação judicial suspendendo as obras e desapropriações em trecho da Via Expressa configura lesão à ordem pública, por indevida interferência do Poder Judiciário na seara administrativa do Poder Executivo”, declarou o magistrado, acrescentando que “a medida dificultaria a regular execução dos serviços públicos e o exercício das funções administrativas por suas autoridades constituídas”.

LIMINAR – A decisão liminar da 3ª Vara da Fazenda Pública, nos autos da ação civil pública movida pelo promotor de Justiça Fernando Barreto, havia determinado a suspensão das obras e as desapropriações no trecho da Via Expressa que atinge a comunidade do Vinhais Velho, bem como a suspensão das obras que acarretam a supressão de áreas de preservação permanente.

1 comentário

Morre o ex-presidente da Câmara de São Luís, Raimundo Assub

por Jorge Aragão

 

Assub chegou a assumir a prefeitura de São Luís

Blog do Zeca Soares

Morreu por volta de 7h da manhã desta quarta-feira (15), pills o ex-vereador e presidente da Câmara de São Luís, Raimundo Assub. Aos 70 anos, Assub foi vítima de infarto fulminante. Ele passou mal em casa e chegou a ser levado para o Hospital UDI.

Assub foi eleito vereador de São Luís por cinco vezes e também chegou a assumir a prefeitura de São Luís, em substituição a Jackson Lago em uma de suas viagens. Foi pré-candidato a prefeito de Raposa, mas desistiu da candidatura.

O velório será realizado na Câmara de São Luís. O sepultamento ocorre às17h, no Cemitério do Gavião, na Madre Deus.

Nossos pêsames à família.

1 comentário

Éric Costa em Barra do Corda e Miltinho Aragão em São Mateus, lideram com folga pesquisa ESCUTEC

por Jorge Aragão

Éric Costa lidera em Barra do Corda

Nesta quarta-feira (15), ailment foi divulgada pelo jornal O Estado do Maranhão mais duas pesquisas com relação a corrida para prefeituras em municípios do Maranhão. As pesquisas foram realizadas pelo Instituto ESCUTEC no período de 10 a 12 de agosto e nos dois municípios foram ouvidos 300 eleitores.

Em Barra do Corda, story a liderança é do candidato da coligação “Unidos pela Liberdade”, help Éric Costa (PSC). O candidato possui 47,3% das intenções de voto, seguido pelo candidato Carlito Santos (PT do B), que tem 38,7% de intenções de votos. Os outros dois candidatos, Francisco Santos, o Chinês (PCB), e Antônio Soares (PT), estão com menos de 1% na pesquisa ESCUTEC que foi registrada na Justiça Eleitoral sob o protocolo MA00081/2012.

No quesito rejeição, o candidato Antônio Soares foi o menos citado com apenas 2,3% de indicações. Chinês tem 3,3%;Éric Costa 24,7% e Carlito Santos, que possui o apoio do atual prefeito de Barra do Corda, Nenzim, é o mais rejeitado, com 38,3% de indicações.

Miltinho Aragão tem 64% em São Mateus

Em São Mateus, a liderança folgada é do candidato do PSB, Miltinho Aragão, que encabeça a coligação “Unidos para Reconstruir São Mateus”. Aragão aparece com 64% das intenções de voto. O segundo colocado, o petista Genilson Alves, só aparece com 12% e seguido de perto do terceiro colocado, Zé Maria (DEM) com 10,3%.

A pesquisa ESCUTEC, que foi registrada sob o protocolo MA 00080/2012, ainda analisou o índice de rejeição de cada candidato. O democrata Zé Maria é o candidato com maior índice de rejeição, já que 49% dos eleitores declararam não optar por ele em hipótese alguma. Miltinho Aragão tem 17,3% de rejeição e Genilson Alves 15%.

5 comentários