Manoel Ribeiro seria o “pai da criança”

por Jorge Aragão

O Blog recebeu nesta segunda-feira (09) das mãos do presidente em exercício da Assembleia Legislativa, pills deputado Neto Evangelista (PSDB), ambulance documentos que comprovam que a iniciativa de aumentar para 18 o número de subsídios dos deputados estaduais foi na gestão Manoel Ribeiro (PTB) e não na gestão João Evangelista, como anteriormente foi amplamente divulgado pela imprensa.

O documento é um Decreto Legislativo de nº 254/2002 que foi publicado no Diário da Assembleia de 16 de dezembro de 2002 e que no seu artigo 3º prevê: “É devido ao parlamentar, no início e no final previsto para a sessão legislativa, ajuda de custo equivalente ao valor de duas vezes e meia o valor do subsídio mensal”.

Ou seja, é esse artigo que institucionalizou os 18 salários, pois 13 com mais cinco que estavam sendo instituídos, os parlamentares passaram a receber desde então 18 subsídios.

O Decreto Legislativo foi aprovado no dia 12 de dezembro de 2002 e assinado pelo então presidente deputado Manoel Ribeiro, pelo primeiro secretário à época Tatá Milhomem e pela segunda secretária à época, Malrinete Gralhada.

A intenção de Neto Evangelista foi de reparar um erro cometido por boa parte da imprensa, que chegou a dizer que a criação dos 18 subsídios foi na gestão de seu pai, e que teria sido em troca de votos dos deputados para a reeleição de João Evangelista.

Se não aparecer outro Decreto Legislativo antes da longa passagem de Manoel Ribeiro pelo comando do parlamento maranhense, é ele de fato o “pai da criança”. Entretanto, nenhum deputado de 2002 até hoje, pode se isentar do processo, afinal se não aprovou a imoralidade, no mínimo a legitimou.

2 comentários

Antes tarde do que nunca…

por Jorge Aragão

João Castelo e Othelino Neto

Blog do Gilberto Léda

Othelino Neto (PPS) não é mais secretário de Desenvolvimento Metropolitano da Prefeitura de São Luís. Ele entregou o cargo nesta segunda-feira (9), drug por volta do meio-dia, ask segundo informam fontes com amplo acesso ao Palácio de La Ravardiére.

A saída de Othelino do Executivo Municipal é o último ato de uma debandada em massa do PPS, capsule seguindo determinação da direção nacional da legenda.

O objetivo é fortalecer a indicação do nome da pré-candidata da sigla, deputada estadual Eliziane Gama, na corrida sucessória da capital e garantir o que membros da própria oposição de esquerda já chamam de “tentativa de coalizão”.

Continue lendo…

1 comentário

Algo estranho no Piauí…

por Jorge Aragão

Governador e presidente do TJ-PI (Foto: Meio-Norte)

O Estado do Piauí também está passando nesta semana, sovaldi pela mesma situação que o Maranhão passou na semana passada, sobre a definição de quem substitui o seu governante em sua ausência, mas a decisão tomada pelos piauienses foi diferente da dos maranhenses.

Confesso que fiquei sem entender como o Governo do Piauí foi passado nesta segunda-feira (09), ao presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Edivaldo Moura, sem que o poder chegasse ao parlamento piauiense.

O governador piauiense viajou para Washington nos Estados Unidos para tratar sobre empréstimo para o Estado, mas antes de viajar, segundo os principais portais de notícias, repassou o cargo para o presidente do TJ-PI.

Na linha sucessória, os substitutos seriam: o vice-governador (Moraes Filho), o presidente da Assembleia (Themístocles Filho) e só depois o presidente do TJ. Ou seja, para o “poder” chegar ao judiciário, ele obrigatoriamente teria que passar pelo legislativo. Salvo se os três: governador, vice-governador e presidente da Assembleia, viajassem juntos para fora do Brasil.

No entanto, os portais de notícias do Piauí não se atentaram para isso e as explicações foram as mais absurdas possíveis para que o comando do Estado chegasse ao TJ-PI.

O Portal Meio-Norte chegou a dizer que o desembargador Edivaldo Moura assumiu pelo fato do vice-governador está viajando e o presidente da AL estaria doente. Já o Portal Cidade Verde disse que o presidente da AL estava impossibilitado. O Portal 180º graus por sua vez afirma que o comando chegou ao TJ-PI pelo fato do vice-governador e o presidente da AL, estarem cumprindo agenda fora do Estado.

Se o presidente da AL estava doente e licenciado, quem deveria assumir o Governo do Piauí, assim como aconteceu no Maranhão, seria o 1º vice-presidente do parlamento. A mesma coisa se ele estivesse impossibilitado e o fato dele viajar para fora do Piauí, mas dentro do Brasil, não cria nenhum óbice nem para ele e muito menos para o vice-governador assumirem o Estado.

Sendo assim, ou o presidente da AL-PI assumiu e depois se licenciou, para que o poder chegasse ao TJ-PI, como fez o presidente da AL-MA Arnaldo Melo em dezembro de 2011, para que o à época presidente do TJ-MA, desembargador Jamil Gedeon, assumisse o Governo do Estado e isso não foi explicitado nas matérias, talvez para não gerar críticas pelo rodízio no comando do poder piauiense, ou o que foi feito no Piauí além de está errado, afronta a Constituição.

1 comentário

Bira do Pindaré: o consenso é sempre ele

por Jorge Aragão

O deputado estadual Bira do Pindaré (PT) é um dos cinco pré-candidatos à prefeitura de São Luís que compõem um grupo dito de Oposição aos governos municipal e estadual. Além de Bira, pills participam: Edivaldo Júnior (PTC), Eliziane Gama (PPS), Roberto Rocha (PSDB) e Tadeu Palácio (PP).

Este grupo prega um consenso e defende uma única candidatura. Este Blog já disse que isso não irá acontecer, mas o discurso está ensaiado, pelo menos na teoria, pois na prática não vai funcionar.

O caso de Bira do Pindaré é no mínimo curioso, pois no caso do petista, o consenso para ele só serve se girar em torno de seu nome.

O PT já definiu que a legenda terá candidatura própria e isso não se discute mais. Imaginemos que Bira consiga a proeza de reverter o quadro desfavorável contra o vice-governador Washington Oliveira nas prévias internas no próximo domingo (15).

Se Bira derrotar Washington, ele obrigatoriamente será candidato a prefeito de São Luís. E aí onde ficaria o consenso? Como ficariam as candidaturas de Tadeu, Eliziane, Roberto e Holanda Júnior? Todos abririam mão de suas pré-candidaturas para apoiar Bira?

Dentro do PT a postura de Bira é idêntica. Enquanto Washington assegura apoio a Bira caso perca as prévias, Bira antecipa que a recíproca não será verdadeira. Ou seja, uma candidatura do PT para prefeitura de São Luís só serve para Bira se for a sua.

Resumo da ópera: Bira defende o que não pode cumprir, salvo se o consenso for ele.

3 comentários

Uma decisão pessoal em detrimento do partido e da cidade

por Jorge Aragão

Flávio Dino de fato não será candidato a prefeito de São Luís e mesmo a contragosto, stuff até o PCdoB já admite. Na página do partido o presidente da legenda, treat Renato Rabelo, destaca candidatura em apenas nove capitais e exclui a capital maranhense.

No entanto, o PCdoB apenas admite o que todos já sabiam. É verdade que falta oficialmente Dino falar sobre o assunto e isso deve acontecer ainda nesse mês de abril, mas a decisão não foi tomada agora, ela apenas será anunciada, pois a decisão de Flávio Dino já está tomada há muito tempo.

Dino quer ser o governador do Maranhão em 2015 e tem plena consciência que uma candidatura e uma eleição em 2012 para a prefeitura de São Luís, lhe tirariam essa chance.

A decisão é pessoal e vai de encontro ao anseio de São Luís, que como publicou o próprio PCdoB em seu site oficial, Dino teria chances inclusive de vencer a eleição municipal deste ano no 1º turno.

A decisão de Dino também não agradou ao PCdoB, que entende que a opção de trocar o quase certo pelo duvidoso, não é o melhor caminho para a legenda que precisa crescer em todo o Brasil e comandar uma capital brasileira seria fundamental para isso.

A candidatura de Washington Oliveira (PT) e a tragédia que infelizmente abateu sua vida, apenas colaboraram para ratificar uma posição já tomada.

Mas o projeto pessoal de Dino, que obrigatoriamente virou um projeto do “novo” grupo político, está acima de São Luís e acima do PCdoB. Pelo menos, assim pensa Flávio Dino.

2 comentários

Marcos Caldas, o governador em exercício

por Jorge Aragão

O governador em exercício Marcos Caldas

O governador em exercício, nurse Marcos Caldas, cumpriu diversos compromissos no município de Brejo, sua cidade natal. Entre eles, a inauguração do Centro de Ensino Médio Patrício da Cunha Costa, localizado no povoado Saco das Almas, região de remanescentes quilombolas situada a 18 km da sede.

Acompanharam o governador em exercício os secretários de Estado João Alberto (Programas Especiais) e Max Barros (Infraestrutura) e os deputados Roberto Costa (estadual) e Kléber Verde (federal).

Marcos Calda expressou sua emoção diante da oportunidade de ser governador do Maranhão e disse que não poderia deixar de dividir esse momento com o povo de Brejo, o qual não abandona em nenhum momento e com o qual sempre quer viver suas alegrias.

“Eu agradeço à governadora Roseana Sarney por esta oportunidade e, claro, não poderia deixar de vir até a minha cidade, principalmente para trazer obras importantes para esta região. E vou lutar muito para trazer mais benefícios, pois ainda quero ver construída aqui a Avenida Beira-Rio”, disse Marcos Caldas.

A inauguração do Centro de Ensino Médio Patrício da Cunha Costa foi prestigiada pelo único filho vivo do homenageado, Cláudio Ferreira Costa, de 81 anos. Durante a solenidade, o governador nomeou a diretora da instituição, Ana Léa Moraes, e destacou as ações do governo em prol dos quilombolas, ressaltando o termo de cooperação firmado, semana passada, pelo Maranhão e a Secretária de Políticas Públicas de Igualdade Racial, da Presidência da República.

O Centro de Ensino Patrício da Cunha Costa dispõe de seis salas de aulas e beneficiará 240 estudantes que vivem na região. As aulas terão início no próximo dia 16.

Na cidade, o governador em exercício também assinou Ordem de Serviço autorizando o asfaltamento de ruas no município. Além disso, Marcos Caldas, atendendo a um pedido da Associação Comunitária de Brejo, autorizou a compra de um trator que será utilizado em patrulha agrícola e beneficiará produtores rurais da região. Ele prestigiou, ainda, a inauguração da Rádio Planalto FM, localizada no bairro Planalto José Gomes.

O governador em exercício permaneceu em Brejo neste Domingo de Páscoa, celebrando a data com a família e amigos. Nesta segunda (9), ele dá prosseguimento à agenda administrativa do governo, no Palácio dos Leões.

Faça seu comentário

Castelo chega ao meio-dia

por Jorge Aragão

7h07 – Depois de quase dez dias em São Paulo, discount chegando inclusive a ser internado na UTI do Hospital Sírio Libanês, sale o prefeito de São Luís, case João Castelo (PSDB), retorna neste domingo (08) à capital maranhense.

Castelo inicialmente foi internado no dia 28 de março em São Luís na UTI do Hospital UDI, mas a família resolveu levá-lo para São Paulo. Além de cuidar da infecção intestinal e da desidratação, Castelo aproveitou a ida para a capital paulista e realizou uma bateria de exames.

A chegada de João Castelo está prevista para o meio-dia no Aeroporto Hugo da Cunha Machado. A princípio estava sendo organizada uma pequena recepção pelo secretário de Agricultura e Pesca de São Luís, Júlio França, até mesmo uma carreata aconteceria, mas por determinação do próprio prefeito a ideia foi deixada de lado e apenas alguns membros da família, amigos e correligionários políticos devem recepcioná-lo.

Apesar de chegar revigorado, Castelo terá uma verdadeira maratona pela frente, pois além de enfrentar os problemas de São Luís, que não são poucos, o prefeito terá que trabalhar nos bastidores para garantir sua reeleição, já que as últimas movimentações na política da capital maranhense não tem sido nada favoráveis a ele.

Faça seu comentário

Hoje é dia de Bumba Rugby

por Jorge Aragão

O segundo jogo do único time maranhense de rugby, ed o Bumba Rugby, na Liga Nordeste, será neste sábado (07), no Estádio Ananias Silva, o Fecurão na Cohab. A partida será disputada as 20h, contra a equipe do Piauí Rugby e a entrada é 1 kg de alimento não perecível.

A competição é classificatória para a Copa do Brasil e apenas uma equipe conseguirá disputar a competição nacional organizada pela Confederação Brasileira de Rugby (CBRu).

Hoje, o Bumba Rugby lidera a chave Norte da Liga, com cinco pontos e podem conseguir a classificação por antencipação se o time Cerense, Sertões Rubgy Clube, perder o seu jogo e os maranhenses vencerem os piauienses e conseguirem marcar o ponto extra por marcar mais de 4 trys na partida deste sábado.

“Esta partida será um jogo chave para a nossa campanha no Nordestão”, comentou Marcos Bispo, um dos diretores da Associação Maranhense de Rugby (AMARU) e jogador do Bumba Rugby.

Além da possibilidade de classificação antecipada, o jogo contra o Piauí Rugby tem gosto de revanche. No primeiro jogo oficial do Bumba Rugby, em um amistoso justamente contra a equipe piauiense, os maranhenses foram derrotados por 19 x 5.

Na estreia no Nordestão, o time maranhense derrotou os cearenses do Centuriões Rugby Clube por 31 x 0, no campo do Sesi Clube Araçagy, marcado cinco trys (que equivale ao gol no futebol) e convertendo três chutes.

Vale a sua torcida para o time maranhense.

1 comentário

O que funciona no feriadão…

por Jorge Aragão

Lenno Edroaldo (G1 Maranhão)

Com a celebração da Semana Santa, clinic vários serviços, ed principalmente na capital maranhense, medicine passarão a funcionar em horários especiais. Confira:

O Comércio ficará fechado nesta sexta-feira (6), reabrindo somente no sábado. Entre os shopping centers, o Shopping da Ilha ficará fechado nesta sexta-feira, mas funciona normalmente nos dias seguintes. No Shopping São Luís, as lojas não abrirão na sexta feira (6). Somente o cinema, praça de alimentação e a área de recreação irão funcionar.

No Rio Anil Shopping funcionarão apenas o parque de diversões, cinema e praça de alimentação, mas a partir das 12h. As lojas e quiosques estarão fechadas. A exceção será a unidade das Lojas Americanas, que funcionará das 9h às 23 nesta sexta e sábado.

Entre as instituições financeiras, os bancos funcionarão apenas com os terminais de autoatendimento.

O Tribunal de Justiça informou o plantão de 1º e 2º graus estará funcionando para apreciação de requerimentos de natureza urgente. Dois servidores plantonistas de 2º grau atenderão pelo número (98) 8815 8344.

A Defensoria Pública e o Ministério Público do estado seguem o calendário do TJ-MA.

Faça seu comentário

Caldas no Palácio e Evangelista na Assembleia

por Jorge Aragão

Deputado estadual Marcos Caldas

A Páscoa de 2012 será inesquecível para dois jovens políticos do Estado do Maranhão, order os deputados estaduais Marcos Caldas (PRB) e Neto Evangelista (PSDB).

Caldas está no seu segundo mandato e assumirá o Governo do Estado a partir desta quinta-feira (05), ficando comandando o Maranhão até a quarta-feira (11), quando a governadora Roseana Sarney (PMDB) retornará da viagem que realiza aos Estados Unidos.

Apesar do que alguns imaginam, Marcos Caldas tem plena consciência da importância do cargo que ocupará temporariamente e tenho certeza que fará questão de marcar sua passagem histórica pelo Governo do Maranhão de maneira positiva.

Caldas, ao contrário do que alguns apregoam, é um deputado atuante no parlamento, pois tem boa freqüência tanto na Tribuna como no Plenário da Assembleia. Além disso, é autor de projetos interessantes como: a proibição da cobrança das taxas de estacionamento e proibição da exigência de caução ou garantia de qualquer natureza, para a internação de doentes, em situação de urgência e emergência, em hospitais ou clínicas da rede pública e privada em todo o Maranhão. Isso sem falar na Lei Anti-Fumo também criada pelo parlamentar. As críticas que são feitas a Caldas são na sua vida pessoal e isso esse Blog faz questão de deixar a critério exclusivo dele, salvo se o fato que o envolver for algo relevante para a sociedade.

O governador em exercício do Maranhão optou por não realizar nenhuma solenidade, apenas um almoço no Palácio dos Leões para poucos convidados. A passagem de Marcos Caldas no Governo do Estado será marcada por inauguração de uma escola quilombola, uma rádio comunitária e dará início às obras de asfaltamento, todas na cidade de Brejo, terra natal do parlamentar.

Neto com o pai João Evangelista

Assembleia – Enquanto Caldas estiver no Palácio dos Leões, a Assembleia Legislativa será comandada pelo 2º vice-presidente, deputado Neto Evangelista.

O momento será marcante para o jovem parlamentar que está estreando na vida política. Neto comandará pelo menos duas sessões na Assembleia, dias 09 e 10.

Na oportunidade com certeza passará um filme na sua cabeça sobre a carreira política do pai, o ex-deputado João Evangelista, falecido em 2010. Neto jamais imaginaria chegar, em tão pouco tempo, ao lugar que um dia foi ocupado pelo pai.

Boa sorte ao dois jovens políticos que tem uma excelente oportunidade de demonstrar seus valores, em dois cargos extremamente relevantes, mesmo que seja por uma semana.

1 comentário