Andrea Murad rebate Stênio Rezende

por Jorge Aragão

andreamarcApós os comentários do deputado Stênio Rezende neste blog, a deputada Andrea Murad comentou a respeito de qualquer “equívoco” ao relacionar o governador Flávio Dino com a agiotagem como sugeriu o parlamentar.

A deputada fez um forte discurso sobre a relação do assessor de Márcio Jerry com o agiota Pacovan na sessão de quinta-feira sem ouvir qualquer reposta dos governistas. Ela considerou “uma pena que o deputado Stênio tenha dado essa declaração somente hoje e não tenha debatido esse assunto na sessão de ontem, onde na tribuna, de fato, é o melhor local para um deputado debater tais questões, e isso não se trata de vale tudo”, e disse mais:

“Na sessão eu justificaria para o deputado Stênio Rezende o que afirmei e pediria que ele me respondesse se não é relevante saber o que faz nomeado no gabinete mais importante e mais próximo do governador, a pessoa que é o cobrador oficial do agiota Pacovan e que atua principalmente na cobrança do dinheiro da agiotagem junto a prefeitos, ex-prefeitos e pessoas ligadas à política. Eu estou dizendo que o assessor é, repito, é — e não era, — cobrador do agiota. Ele ainda é o chefe da cobrança. Daí a gravidade da denúncia. E eu pergunto, como um governador que jurou que iria fazer um governo sem fichas sujas, sem condenados, um governo de pessoas limpas coloca dentro do Palácio, ao lado do seu gabinete, um funcionário de um dos maiores agiotas do Maranhão? Sei que o superintendente é pessoa íntima do governador e do seu secretário Marcio Jerry, porque acompanhei a campanha e vi como são próximos. Mas, daí a nomeá-lo para um dos cargos mais importantes do governo sabendo o que ele faz, é muito suspeito. Me leva a acreditar que o governador, seu secretário e quem de fato manda no governo, tem com ele relação muito maior do que aparenta. Tenho certeza que o deputado Stênio sabe o que faz o funcionário Welington, pois o parlamentar tem relações com muitos prefeitos e ex-prefeitos que conhecem bem o funcionário de Pacovan. Já não bastava a relação promíscua do governador com outro grande agiota, aparece agora, atuando dentro do Palácio, outro envolvido com o chefe da agiotagem, sinceramente, isso precisa ser bem esclarecido. Quanto à questão da insegurança, não preciso de muitas palavras para explicar o fracasso do governo nesse setor tão importante para a vida das pessoas. O governador mentiu quando afirmou que iria aumentar o efetivo em mais dois mil policiais por ano. Até hoje, nenhum entrou no efetivo. Dos mil que autorizou, pouco mais de 160 conseguiram se habilitar para o curso de formação e aqueles que chegarem ao final, somente no ano que vem estarão nas ruas trabalhando. Também frustrou os policiais militares e civis com o arrocho salarial que anunciou, além de não garantir o custeio suficiente para manutenção das atividades das polícias. Ao invés de agir com eficiência, o governo achou que manipulando as estatísticas poderia enganar a população. Não deu certo e o povo está gritando por segurança. Por fim, debater sobre estas questões com o deputado Stênio na tribuna será um enorme prazer”, finalizou.

Stênio Rezende rebate críticas de Andrea Murad

por Jorge Aragão

STENIOREZENDEnovaO deputado Stênio Rezende (PRTB) rebateu o discurso duro feito pela deputada Andrea Murad (PMDB) contra o governador Flávio Dino (PCdoB), durante sessão realizada ontem (21), no plenário da Assembléia Legislativa.

“Na ânsia de fazer oposição a qualquer custo, a deputada Andrea Murad comete equívocos ao tentar envolver o governador em episódios que ele não tem nada haver. Entendo como legítimo o papel que a oposição representa na Assembléia, mas não podemos aceitar que a tribuna acabe se tornando um espaço para o “vale-tudo”, disse ele.

Sobre as críticas ao sistema de segurança, Rezende foi categórico ao destacar o esforço que tem sido feito para minimizar os problemas recebidos pelo novo governo.

“A deputada precisa usar de coerência e admitir que um dos maiores problemas recebidos pelo governador Flávio Dino está relacionado justamente à área da segurança pública. Aumentar o efetivo policial, combater o crime organizado e a corrupção, trabalhar a diminuição dos índices de violência e garantir investimentos para melhoria do sistema penitenciário tem sido bandeiras assumidas pelo Governo do Maranhão desde o dia 1 de janeiro. Alguns resultados positivos já podem ser apontados, mas outros só serão colhidos a médio e longo prazo”, ponderou.

Zé Carlos defende cota de 30% para mulheres na política

por Jorge Aragão

zecarlos1

O deputado Federal Zé Carlos participou de ato na Câmara dos Deputados, em defesa da proposta que garante, pelo menos, 30% de mulheres na composição do parlamento federal, das assembleias legislativas e câmaras de vereadores.

Durante o ato, os parlamentares repetiam palavra de ordem: “30% já!”.

A manifestação em defesa da maior igualdade de gênero na política ganhou corpo depois de divulgado relatório do deputado Marcelo Castro (PMDB-PI), apresentado na Comissão Especial da Reforma Política, da qual o parlamentar maranhense é membro.

O Relatório de Marcelo Castro sugere a adoção do modelo de voto majoritário para a composição dos parlamentos, o chamado Distritão, nas próximas eleições, mas não assegura mais cadeiras para as mulheres.

O deputado Zé Carlos informou que, dependendo do modelo adotado, as próximas eleições poderão ter uma abrupta redução de mulheres, que hoje conta com apenas 10% na Câmara dos Deputados, fato que coloca o Brasil na 124ª posição no mundo, atrás de países árabes e africanos.

“Atualmente as mulheres que representam 52% do eleitorado e 45% no mercado de trabalho ocupam apenas 10% da Câmara dos Deputados, 16% do Senado, 11% das assembleias legislativas e 13,3% das câmaras de vereadores. Sempre defendi nas reuniões da Comissão de Reforma Política uma representação igualitária para ambos os gêneros, tanto no Congresso Nacional quanto nos parlamentos estaduais e municipais assim como também defendo o financiamento público de campanha”, afirmou o deputado.

Edivaldo Júnior e a realização do sonho da casa própria

por Jorge Aragão


O prefeito Edivaldo entregou na manhã desta sexta (22) as chaves de 3 mil unidades habitacionais do Residencial Ribeira às famílias contempladas pelo Programa “Minha Casa, Minha Vida”.

O empreendimento consiste em 1.592 casas e 1.408 apartamentos, que beneficiará cerca de 11 mil pessoas. Em clima de festa, os novos moradores compareceram em grande número ao local para participar do ato de entrega das chaves, realizado no próprio residencial.

Acompanhado do governador Flávio Dino, o prefeito Edivaldo abriu a solenidade e, em seu pronunciamento, frisou a representatividade deste passo para as milhares de famílias que, a partir de agora, viverão na tão esperada casa própria.

“É um momento de grande felicidade para todos nós. Sabemos o quão imensurável é para essas pessoas a conquista da sua casa própria. Não há bem maior que um lar para vivermos dignamente com nossa família. E a Prefeitura faz a sua parte, ajudando as famílias nessa importante etapa de suas vidas e contribuindo para reduzir o déficit habitacional na nossa cidade”, disse Edivaldo.

O prefeito ressaltou ainda que, além das unidades do Residencial Ribeira, a Prefeitura de São Luís já entregou outras 3 mil habitações, perfazendo um total de 6 mil unidades habitacionais entregues só nos dois primeiros anos da atual gestão. “E ainda entregaremos mais seis mil casas até o final da nossa administração”, anunciou o prefeito.

Clique aqui e saiba mais detalhes desse programa que vai mudando a vida de milhares de pessoas, afinal estão tendo o sonho da casa própria sendo realizado nessa parceria do Governo Federal com a Prefeitura de São Luís.

Flávio Dino e seus aliados…

por Jorge Aragão

luizinhoSe já não bastassem as ligações cada vez mais fortes de alguns membros do Governo Flávio Dino com a agiotagem no Maranhão, o próprio governador segue nomeando cada figura traquina para a sua gestão.

O Governo Flávio Dino, por tudo que foi prometido e arrotado durante toda a campanha, tem que ser igual a mulher de César, ou seja, “não basta ser honesta, tem de parecer honesta”, mas Dino parece fazer exatamente o contrário, atrair cada vez mais suspeitas com a chegada de aliados para lá de suspeito.

O último foi o ex-prefeito de São Bento, Luizinho Barros, que deverá ser nomeado, se é que já não foi, superintendente regional em Viana. Até aí nenhum problema, afinal é um cargo de confiança e cabe a Dino escolher.

O problema é que o glorioso Luizinho Barros, à época em que esteve prefeito, foi considerado pela CGU, Controladoria Geral da União, como o segundo prefeito mais corrupto do Brasil.

São com aliados desse naipe que Flávio Dino segue jurando que fará o Governo da Mudança no Maranhão.

Victor Mendes segue na luta Segunda Esquadra da Marinha no Maranhão

por Jorge Aragão

VictorMendesnova“A instalação da Segunda Esquadra da Marinha brasileira na Baía de São Marcos [entre a Ponta de Espera e Ilha do Medo] ‘é uma dívida de honra da Presidente Dilma Rousseff para com o Maranhão, uma boa forma para compensar os prejuízos para a economia do estado com o cancelamento da Refinaria Premium”.

A afirmação é do deputado Victor Mendes PV-MA, ao comentar a resposta recebida do Ministro da Defesa, Jaques Wagner, ao Requerimento de Informação 209/15, por meio do qual o parlamentar pediu informações sobre o projeto de instalação da Segunda Esquadra da Marinha do Brasil, no Estado do Maranhão.

Nas informações encaminhadas ao parlamentar, o ministro afirma, com base em manifestação do alto comando da Marinha, que o empreendimento continua objeto do Planejamento Estratégico da corporação, dentro do Plano de Articulação e Equipamentos de Defesa (PAED), dependendo apenas de decisão governamental que ratifique o Plano e viabilize os recursos para início de construção das instalações. “A partir da dotação orçamentária, estima-se em 20 anos o prazo para implantação da estrutura de apoio e início das operações da Segunda Esquadra”, afirma Jaques Wagner.

Para o deputado Victor Mendes, é necessário agora uma mobilização de todas as forças políticas e empresariais do Maranhão para cobrar do governo federal essa decisão o mais rápido possível. “Essa é uma chance que o Maranhão não pode deixar passar. Independente de visões partidárias, precisamos da união de todos os segmentos para cobrar da presidente Dilma os recursos necessários para esse projeto, que tem capacidade para dinamizar a economia estadual e fortalecer a indústria maranhense. Depois da Refinaria, temos que estar atentos para não perdermos oportunidades como essas”, frisou Victor Mendes.

“Na próxima semana, na reunião da Bancada Federal, pretendo apresentar proposta de atuação unificada neste caso, do mesmo modo que procedemos com relação à questão da duplicação da BR-135”, acrescentou o parlamentar.

Jaques Wagner informa também que já foram superadas as questões relativas aos terrenos para instalação da Esquadra. É que os estudos iniciais indicavam que os terrenos de propriedade da Marinha na região a ser ocupada pela Base Naval no Maranhão não eram suficientes para abrigar todas as benfeitorias e estrutura física do empreendimento. A questão foi solucionada com a incorporação de terrenos contíguos pertencentes ao Exército, através de cessão, em dezembro de 2013.

Base Naval – Prevista na Estratégia Nacional de Defesa (END) aprovada em dezembro de 2008, a instalação de uma nova esquadra da Marinha nas proximidades da Foz do Rio Amazonas é considerada prioridade. A esquadra terá estrutura similar à da Base Naval do Rio de Janeiro, dotada de recursos técnicos para garantir maior controle do acesso marítimo ao Brasil.

Em 2009, a Marinha iniciou os estudos técnicos para seleção dos locais adequados à instalação do Complexo Naval da 2ª Esquadra. No documento encaminhado ao deputado Victor Mendes, o ministro Jaques Wagner confirma que os estudos técnicos recomendam a área abrangida entre a Ponta de Espera e Ilha do Medo “como o local que melhor atende aos requisitos para instalação da 2ª Esquadra” e assegura já foi solucionada, desde dezembro de 2013, a questão dos terrenos para instalação da Esquadra.

Como vantagens, o Maranhão apresenta localização estratégica, proximidade com a Foz do Rio Amazonas, existência de complexo portuário e de condições de navegabilidade na Baía de São Marcos, que se caracteriza por grande variação de marés, profundidade do canal marítimo possibilitando operações com embarcações de grande porte, além da presença de reentrâncias que confeririam segurança à Base.

Leia também: Victor Mendes e a luta pela Segunda Esquadra da Marinha no Maranhão

Aluisio Mendes quer agentes federais para auxiliar na CPI da Petrobras

por Jorge Aragão

aluisiocpi

Durante reunião da CPI da Petrobras realizada na quinta-feira (21), o deputado federal Aluísio Mendes cobrou prioridade na apreciação de requerimento de sua autoria que solicita dois policiais federais especializados em trabalhos de inteligência para auxiliar os parlamentares na coleta de informações das interceptações telefônicas e telemáticas da Operação Lava-Jato.

Os especialistas deverão analisar todo o material solicitado pelo deputado e enviado à comissão em março pelo juiz federal Sérgio Moro. São mais de 6.000 horas de interceptações telefônicas e 1.200 comunicações por sistemas de informática, o que abrange e-mails.

O volume de dados é grande e os arquivos podem mudar os rumos das investigações. “Tenho informações extraoficiais de que nesse banco há muitos dados que ainda não vieram a público. Acho que esmiuçando estas conversas, poderemos ter acesso a outros nomes e a outras provas que ainda não vieram à tona”, avaliou ele.

Márcio Jerry “confirma” lista divulgada por Ricardo Murad

por Jorge Aragão
Clique na figura para ampliar a lista

Clique na figura para ampliar a lista

O ex-deputado estadual e ex-secretário de Saúde, Ricardo Murad (PMDB), continua sendo um ‘pedregulho no sapato’ do Governo Flávio Dino.

Murad postou nas redes sociais uma lista que seria do PCdoB de Peritoró, com o nome de 24 pessoas para ocupar cargos no Hospital Geral de Peritoró. A lista intitulada “RELAÇÃO NOMINAL DE PESSOAS INDICADAS PELO PCdoB DE PERITORÓ PARA AS VAGAS DE EMPREGO NO HOSPITAL GERAL DE PERITORÓ”, também contém o timbre do PCdoB, mesmo partido do governador.

Ricardo Murad diz que a nota é uma vergonha e a Saúde está sendo violentada no atual Governo.

“Vergonha. Saúde violentada. Emprego nos hospitais só para quem entrar na lista do PCdoB. Olhem a esculhambação em que se transformou o Governo de Flávio Dino”, escreveu Murad.

Confirmação – Num primeiro momento, parecia, como de costume, que o Governo classificaria como factoide a informação de Ricardo Murad, mas desta vez parece que resolveu assumir a informação prestada, pelo menos é o que se pode compreender da escrita do secretário de Articulação Política do Governo, Márcio Jerry (PCdoB).

“O gov Flávio Dino foi e continua sendo organizado ouvindo a sociedade, os militantes sociais, partidos políticos, enfim, democraticamente” escreveu Jerry, três horas após a postagem de Murad.

jerry
Resta saber se existe e onde está a lista da sociedade, dos militantes sociais e dos demais partidos, pois a do PCdoB, essa já foi publicizada.

Pelo visto, além de postar mais uma imoralidade no Governo Flávio Dino, Ricardo Murad parece ter aberto uma crise interna entre os apoiadores de Dino, que vivem reclamando da falta de espaço dentro do Governo.

O problema é que com essa “fome” demonstrada pelo PCdoB, não existe máquina administrativa, por mais inchada que seja, que consiga saciar, quanto mais abrir espaço para outras legendas.

Recuperação asfáltica na Vicente Fialho e Turu

por Jorge Aragão

fialho

Mais duas frentes de trabalho para recuperação asfáltica de ruas e avenidas de São Luís foram iniciadas na manhã desta quinta-feira (21): na Vila Vicente Fialho e em novos trechos do Turu. O prefeito Edivaldo autorizou pessoalmente o início dos serviços de pavimentação nessas vias pela manhã e anunciou que outras grandes obras de infraestrutura urbana serão iniciadas na capital já a partir da próxima semana, em parceria com o governo do Estado.

“Estamos ampliando cada vez mais as frentes de trabalho para recuperação da malha viária da capital e nos próximos dias entraremos com força total em outros grandes bairros de São Luís, como Cidade Operária, Vila Luizão, Divineia, Areinha e dezenas de outros da área Itaqui-Bacanga. Estamos saindo todos os dias do gabinete para conversar com a população, ouvir seus anseios e fiscalizar de perto o trabalho realizado nesses locais”, disse Edivaldo.

Na Vila Vicente Fialho, o programa de recuperação e requalificação asfáltica executado pela Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp) contempla a Avenida Brasil e as ruas Deputado Luiz Rocha, Coronel Eurípedes Bezerra II, Laerte Santos e Rua Principal. Ao todo serão aproximadamente 3 km de recapeamento com asfalto estrutural de cinco centímetros, além de obras de drenagem superficial com correção e implantação de meios-fios e sarjetas. As vias também vão receber melhorias na iluminação pública.

Além da obra de recapeamento, a Prefeitura também vai realizar na Vila Vicente Fialho serviços de manutenção corretiva em outras vias do bairro com pavimento danificado, a exemplo da rua Coronel Eliodoro, onde já foi executada obra de drenagem profunda em 120 metros de extensão da via.

HERBETNa Vicente Fialho, o morador e liderança da região, Herbertt Morais, que sempre buscou a melhoria das ruas do bairro junto ao próprio prefeito e ao deputado estadual Edivaldo Holanda, agradeceu a presença de Edivaldo Júnior.

“É importante reconhecer o trabalho que vai sendo feito pelo prefeito Edivaldo, que teve muita dificuldade no início, mas vai recuperando as nossas ruas. Também é muito interessante a presença do próprio prefeito para conversar com a comunidade, demonstrando que permanece o mesmo, sempre em contato com a população”, disse Herbertt Morais.

Turu – A Prefeitura também iniciou os serviços de recapeamento asfáltico em 1.700 metros da Avenida Boa Esperança, no Turu. Os serviços serão executados no trecho compreendido entre a Avenida Jerônimo de Albuquerque (na altura do Bequimão) até a Avenida São Luís Rei de França, no Turu. Nessa área, os serviços se estenderão também a 2ª Travessa Boa Esperança ou Nossa Senhora das Graças (proximidades do Residencial Pinheiros).

Os recursos para investimento nas obras de urbanização das vias mencionadas foram obtidos por meio de financiamento junto à Caixa Econômica Federal (CEF) com garantia do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço).

Ainda naquele setor Turu/Cohama, a Prefeitura também trabalha em obras de recapeamento e urbanização na Avenida General Arthur Carvalho, Eurípedes Bezerra e Rua do Aririzal, interligando os bairros da Cohama e do Turu.