Codó promete melhor Carnaval da Região dos Cocais

por Jorge Aragão

Com o slogan “Mais Folia, Mais Alegria”, a Prefeitura Municipal de Codó vai realizar o maior carnaval da Região dos Cocais. A programação oficial do carnaval de Codó possui 12 bandas, sendo elas com reconhecimento nacional, regional e local. Fazem parte do carnaval 2017 as bandas, Matheus Fernandes, Patchanka, Junior Viana, Bruno Shinoda, Pepê Junior, Chicaê, Igor Costa, Fruta Nativa, Swing Beat, Praksamba, Chicauê Brasil, Farrada Prime além dos paredões de som.

O primeiro carnaval Mais Folia, Mais Alegria, acontecerá nos dias 25,26,27 e 28 de fevereiro, na Praça Palmerio Cantanhêde, mais conhecida como Praça do Viveiro. Todos os dias da folia no carnaval de Codó contará com um forte esquema de segurança. Venha aproveitar o melhor carnaval do interior do Estado do Maranhão.

Weverton Rocha cada dia mais fortalecido para o Senado

por Jorge Aragão

O deputado federal e candidato declarado ao Senado Federal, Weverton Rocha (PDT), segue cada dia mais fortalecido para a disputa do pleito eleitoral de 2018.

No sábado (18), o próprio Líder do Governo Flávio Dino na Assembleia Legislativa, deputado Rogério Cafeteira (PSB), destacou nas redes sociais uma reunião realizada com a presença de Weverton Rocha e o definiu como “futuro senador”.

O curioso é que o encontro contou com a presença de políticos dos mais diversos partidos e todos apoiando a candidatura de Weverton Rocha ao Senado. Estavam presentes ao encontro, além de Cafeteira e Weverton, o deputado federal Victor Mendes (PSD), os deputados estaduais Othelino Neto (PCdoB) e Fábio Macedo (PDT), e o vereador de São Luís, Osmar Filho (PDT).

Já neste domingo (19), Weverton Rocha estará em Codó, a convite do prefeito Francisco Nagib (PSDB), para um encontro com várias lideranças políticas da região para debater sua candidatura ao Senado Federal.

Vale lembrar que esse será o segundo encontro nestes moldes, já quem em dezembro do ano passado, conforme o Blog destacou (reveja aqui), Weverton Rocha conseguiu reunir várias lideranças políticas em Santa Inês na casa da prefeita Vianey Bringel (PSDB).

E assim Weverton Rocha segue se solidificando como o principal nome para a disputa do Senado em 2018.

Roberto Rocha e a definição dos comunistas

por Jorge Aragão

Definitivamente não chamem para uma mesma mesa o senador maranhense Roberto Rocha (PSB) e um comunista, principalmente se for um comunista maranhense.

Utilizando as redes sociais, o senador maranhense trucidou com os comunistas. Definiu os comunas como arrogantes e covardes, destacando mais uma vez a tática que eles utilizam contra os seus adversários.

“Chamar comunista de arrogante e covarde é redundante. Jogam a pedra e escondem a mão. Com dinheiro público, pagam blogs para o serviço sujo. Além de arrogantes e covardes, são ousados. Por um valor mensal milionário, alugaram a Difusora para agredir os que podem representar ameaça. Os comunistas são conhecidos no mundo inteiro pela obsessão de eliminar rivais para se manterem no poder. O comunismo é a estupidez que se materializa na realidade em forma de aberração e que vai tentando destruir e asfixiar tudo e todos no processo de se justificar e se preservar no poder”, destacou.

Roberto Rocha também conceituou que não existe comunista inteligente e honesto, pois os inteligentes são patifes e os honestos são burros. O senador disse que será exatamente esse modelo que os comunistas tentam implantar no Maranhão que irão fazer com que eles percam as eleições em 2018.

“Tenho dito, comunistas inteligentes são patifes; os honestos são burros; e os inteligentes e honestos nunca são comunistas. Essa fome patológica pela manutenção do poder e pelo controle da vida alheia vão desapega-los do Palácio do Leões, em 2018”, finalizou.

A pancada foi segura e certeira, agora é aguardar e conferir o contragolpe dos asseclas, afinal como deixou claro Roberto Rocha, os comunistas são covardes e precisam de outros para os combates. Os comunistas, pela covardia destacada, optam geralmente pelo silêncio sepulcral e escalam os asseclas serviçais, com o perdão da redundância, para o embate.

A reação rápida da Prefeitura de São Luís

por Jorge Aragão

A região da Curva do 90 está recebendo o trabalho emergencial de drenagem na área. A medida preventiva evitará o alagamento da via, possibilitando continuidade do fluxo normal dos veículos.

A reação rápida e eficiente do prefeito Edivaldo Holanda Júnior e da equipe da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp), nesse momento de fortes chuvas, é para evitar a obstrução e o alagamento de uma das vias mais importantes e de maior tráfego da capital.

Por conta do elevado volume de chuvas durante a semana, houve rompimento da parede de contenção do aterro da pista e a equipe está fazendo uma nova.

Além disto, máquinas e operários trabalham na desobstrução de bueiros existentes às margens da via, entupidos pelo lixo descartado indevidamente em área pública e tronco de árvores.

Sacos de concreto também estão sendo colocados para fazer a contenção e evitar o transbordamento do córrego existente no local.

O trabalho ágil nesse e em outros pontos da cidade mostra o esforço da Prefeitura de São Luís para evitar o rompimento de vias e evitar transtornos à população.

Sousa Neto cobra explicações sobre reforma do Batalhão de Pindaré

por Jorge Aragão

Depois de toda a repercussão negativa de sua ida na Assembleia Legislativa, o secretário de Infraestrutura do Maranhão, Clayton Noleto, também foi acusado de abandonar uma importante obra da Polícia Militar.

Utilizando as redes sociais, o deputado estadual Sousa Neto (PROS) afirmou que o Governo Flávio Dino abandonou a reforma do 7º Batalhão da Polícia Militar de Pindaré Mirim. O parlamentar disse que a obra foi abandonada e que os recursos estavam assegurados desde o Governo Roseana.

A obra está parada há pelo menos dois anos. Os recursos para a modernização daquele quartel, orçados em cerca de R$ 2 milhões, foram destinados ainda na gestão Roseana para a Segurança Pública, por meio do empréstimo do BNDES. Hoje, a unidade funciona de improviso, sem as mínimas condições, em um prédio cheio de goteiras, sustentado por vigas de madeiras que ameaçam cair”, destacou Sousa Neto, que segue sendo um dos poucos parlamentares que atuam na defesa da Polícia Militar e dos policiais militares do Maranhão.

 

Estádios Dário Santos e Nhozinho Santos estão liberados

por Jorge Aragão

O futebol maranhense ganha mais duas praças de esporte neste final de semana. Os estádios Dário Santos (São José de Ribamar) e Nhozinho Santos (São Luís) estarão novamente liberados para a realização de jogos de futebol.

A Prefeitura de São José de Ribamar, por meio da Secretaria Municipal de Turismo, Cultura, Esporte e Lazer (SEMTUR), garantiu a reabertura do estádio Dário Santos, neste domingo (19) quando o Peixe Pedra enfrenta o time do Imperatriz, em partida válida pelo Campeonato Maranhense de futebol.

Entre as intervenções realizadas no Estádio Dário Santos, foram executados os serviços de adequação da inclinação da rampa de acesso, colocação de extintores de incêndio, luminárias de emergência, implantação de sinalização de emergência (saída de emergência), adequação das portas de entrada e saída, obedecendo o sentido do fluxo, além do reforço no guarda corpo da arquibancada, recuperação do sistema de para-raios, revisão e recuperação das instalações hidro sanitárias, com substituição de louças e metais.

São Luís – Já o Estádio Nhozinho Santos, segundo destacou o Blog do Zeca Soares, foi liberado pelo Ministério Público após a entrega de melhorias e apresentação dos laudos.

O secretário de Desporto e Lazer, Júlio França esteve reunido com a promotora de Justiça de Defesa do Consumidor, Lítia Cavalcante para entregar os quatro laudos técnicos do estádio Nhozinho Santos: do Corpo de Bombeiros, CREA, Vigilância Sanitária e Policia Militar e com isso já pode ser utilizado pelos clubes.

Júlio França destacou que o projeto de modernização tem recursos garantidos pelo Ministério dos Esportes através da Caixa Econômica Federal. Entre os serviços de modernização estão incluídos uma troca do gramado de jogo e uma moderna iluminação.

Mais isolamento

por Jorge Aragão

No mês de janeiro, a coluna abordou a situação caótica das cidades de Paulo Ramos e Vitorino Freire, isolados uma da outra após a destruição de uma estrada que ligava os dois municípios, em decorrência das fortes chuvas que caíram no Maranhão.

Na ocasião, a coluna mostrou que o impacto do isolamento era devastador aos municípios, abrangendo sobretudo os setores da economia, saúde, educação e do desenvolvimento social, além do reflexo negativo aos municípios de Marajá do Senna e Arame.

O alerta era para a necessidade de uma obra emergencial por parte do Governo do Estado, para restabelecer o fluxo de veículos na rodovia e o escoamento da produção local. Até ontem, contudo, não havia informação alguma de uma intervenção do Estado.

O problema, contudo, não para por aí. A Secretaria de Estado de Infraestrutura (Sinfra) praticamente isolou a cidade de Centro de Guilherme, situada no noroeste do estado, ao derrubar uma ponte de madeira para a construção de outra de concreto, que jamais ficou pronta.

A obra, iniciada em 2015, beneficiaria outros municípios, como Maranhãozinho e Presidente Médici e deveria ter ficado pronta em dezembro daquele ano.

Mais de um ano depois, não houve avanço.

E a população, isolada, sofre.

Estado Maior

Ministro da Saúde irá rever valor dos repasses aos municípios do MA

por Jorge Aragão

Em reunião realizada com prefeitos e deputados maranhenses, o ministro da Saúde, Ricardo Barros, garantiu a revisão do teto da saúde no Maranhão, atendendo à reivindicação da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão, cujo presidente, prefeito Cleomar Tema (Tuntum), destacou ser a hora de uma força tarefa para que estabeleça pelo menos a média nacional quanto aos valores repassados às cidades.

O encontro com o ministro foi parte de um movimento deflagrado pela FAMEM, que levou 90 prefeitos à Capital Federal e, no dia anterior, recebeu a adesão do presidente da Câmara Federal, Rodrigo Maia. O parlamentar disse que iria se empenhar pessoalmente para que o Governo Federal venha a equacionar o problema mostrado pelos gestores municipais do Maranhão.

No Ministério da Saúde, Tema destacou que o Maranhão está sendo penalizado ao figurar na 25ª posição no ranking nacional em relação aos valores da per capita. O diretor administrativo da FAMEM, Gildásio Ângelo da Silva, mostrou dados estatísticos mostrando a falta de critérios da União quanto à divisão dos recursos entre os estados.

Os deputados federais Juscelino Filho (coordenador da bancada), Pedro Fernandes e Cleber Verde, que acompanharam os prefeitos, fizeram gestões junto ao ministro e garantiram que estão empenhados em pavimentar caminho para um encontro da Federação com o presidente Michel Temer.

“Vamos atuar em diversas frentes. Na parte técnica, a FAMEM começará, a partir de agora, a elaborar estudos quanto às demandas médicas hospitalares e também para a formatação de uma nova PPI, já que estamos atrasados nesse quesito”, destacou o líder municipalista.

No encontro com o ministro da Saúde, o grupo municipalista recebeu também o reforço da suplente de deputada federal Rosângela Curado; da secretária de Saúde de São Luis, Helena Duailibe; e dos deputados estaduais Rogério Cafeteira (líder do Governo na Assembleia), Rafael Leitoa, Levir Pontes, Antônio Pereira e Stênio Resende.

Presidente do Conselho dos Secretários Municipais de Saúde (Cosems), Vinícius Araújo também se manifestou, ressaltando a necessidade de se estabelecer uma plataforma de trabalho urgente com vistas a reverter o quadro em que se encontra o Maranhão com relação ao teto da saúde.

Diversos prefeitos aproveitaram a ocasião para mostrar problemas de seus respectivos municípios. Ao final da reunião, o Cleomar Tema se mostrou esperançoso quanto ao futuro, destacando ainda que os deputados federais foram importantes, por conta do auxílio que deram aos prefeitos na jornada. Ele também agradeceu o apoio dos deputados estaduais que acompanharam os prefeitos.

Tema disse ser inconcebível que o Piauí, com praticamente a metade da população do nosso estado, seja contemplado com uma per capita de R$ 225,00, enquanto que o Maranhão recebe apenas R$ 158,00.

“Isso vem mostrar claramente que tal distribuição não obedece a critérios técnicos, mas políticos, levando-se em conta que, antes do atual ministro da Saúde, a pasta foi ocupada, pelo período de três anos, por um deputado federal do Piauí”, finalizou Tema, que deixou Brasília com o sentimento de dever cumprido.

Glalbert Cutrim recebe prefeitos de São Roberto e Lago Verde

por Jorge Aragão

O prefeito do município de São Roberto, Mundinho do Luisão (PCdoB), esteve reunido na manhã desta sexta-feira (17), com o deputado estadual Glalbert Cutrim (PDT). O encontro aconteceu no gabinete do deputado na Assembleia Legislativa do Estado, em São Luís.

Mundinho apresentou ao deputado um relatório dos problemas encontrados no município, devido a péssima gestão entregue pelo ex-prefeito.

“Estamos iniciando nosso governo com o objetivo de organizar o município, e viemos em busca de apoio dos amigos que eu sei que podem contribuir com a melhoria de São Roberto, e o deputado Glalbert Cutrim é quem pode nos ajudar” disse Mundinho.

No encontro, Mundinho também falou do Plano de Governo, e da importância em efetivar tudo que foi programado durante a eleição. Entre as ações, está prevista a criação da Casa do Estudante São Robertense, local de apoio para os jovens que buscam a conclusão do ensino médio e superior, e que não contam com familiares na capital.

“Acho a iniciativa do prefeito Mundinho extremamente importante, pois investir no futuro dos nossos jovens, é pensar em uma Maranhão melhor. Só através da educação conseguiremos mudar os índices que põem nosso estado em colocação inferior a outros no Nordeste”, assinalou o parlamentar.

O deputado também lembrou da importante obra de pavimentação da MA-012, que está sendo executada pelo Governo do Estado e que beneficiará a população de São Roberto.

“Estamos acompanhando o andamento da obra de pavimentação da MA-012, sonho antigo dos moradores de São Roberto e municípios vizinhos que está sendo realizado pelo Governo do Estado. Quando concluída, a obra trará crescimento econômico à região, além de melhoria na qualidade de vida. Também iremos pedir apoio no sentido de acabar com o sofrimento da população, que todos os anos sofre no período de chuva com o alagamento do canal da Avenida João Castelo, pedido do prefeito Mundinho”, concluiu.

Lago Verde – Glalbert Cutrim também recebeu o prefeito de Lago Verde, Dr. Francisco (PPS), na pauta, o prefeito trouxe como prioridade, encontrar mecanismos e apoio para acabar com o sofrimento da população, que precisa se deslocar 20 km para ter acesso a atendimento médico.

“Nosso principal objetivo já no início de nosso mandato é encontrar uma solução para o setor da saúde. Não podemos aceitar que a população de Lago Verde tenha que buscar atendimento a mais de 20 km longe de suas residências” assegurou Dr. Francisco.

O deputado garantiu ao prefeito de Lago Verde que o tema será colocado em pauta na sua lista de prioridade para as indicações já nos próximos dias, e que usará seu prestigio junto ao Governo do Estado, no qual faz parte da base governista, para garantir apoio ao município.

Cutrim garantiu que irá formalizar pedido de 02 ambulâncias para beneficiar a população dos dois municípios.

Olha aí Flávio Dino: Piauí fará concurso em 2017 para a PM

por Jorge Aragão

Enquanto o governador Flávio Dino (PCdoB) não confirma a realização de um concurso para o Polícia Militar, mesmo o Maranhão tendo o menor efetivo do Brasil (relação população/policiais), o vizinho Piauí já confirmou que ainda este ano terá um concurso para a PM.

A confirmação foi feita através do secretário de Segurança Pública do Piauí, Fábio Abreu, que assegurou que o concurso para a Polícia Militar já foi autorizado pelo governador piauiense, Wellington Dias (PT).

O concurso será feito ainda este ano, faltando apenas finalizar a programação, definindo datas e divulgação do edital que deve sair no máximo no início de março. A expectativa é que sejam ofertadas 400 vagas para a Polícia Militar do Piauí.

No Maranhão, o último concurso feito para a Polícia Militar foi no Governo Roseana Sarney com duas mil vagas, onde foram chamados aproximadamente 1.400 aprovados.

O governador Flávio Dino tem garantido a realização de um concurso, mas por enquanto sem data prevista de ser realizado. Isso sem esquecer que uma das promessas de campanha do governador foi de dobrar o efetivo da Polícia Militar do Maranhão, o que dificilmente acontecerá.

É aguardar e conferir.